Em boa fase, Brenner diz estar preparado para eventuais pênaltis

Ainda não é possível ter certeza do time que Alberto Valentim vai colocar em campo na final da Taça Rio, contra o Fluminense. Porém, será surprendente se Brenner não for o camisa 9 do Botafogo no domingo. Kieza até foi a campo nesta sexta-feira, mas problemas físicos lhe tiraram das últimas partidas. Mais que isso, o substituto, que vem agradando, concedeu entrevista coletiva, e espera manter o 100% de aproveitamento nas cobranças de pênalti na carreira: se preciso, durante os 90 minutos, ou se a decisão do segundo turno do Estadual assim for decidida.

- Treino muito. O batedor, hoje, é o Lindoso (converteu no domingo, contra o Vasco). Quando eu saí da equipe, ele assumiu o posto de cobrador. Se ocorrerem os pênaltis, temos que estar preparados. Se errarmos, acontece, mas quanto mais treinar, melhor deve bater - explicou o centroavante após a atividade desta sexta-feira.

Com cinco gols, Brenner está na disputa pela artilharia do Campeonato Carioca. Foram duas bolas nas redes nas duas últimas partidas. Quem mais marcou na competição foi Pipico, do Macaé. Ele espera levar a melhor também com concorrentes do Tricolor, próximo rival.

- É bom (artilharia). Sinal de que estamos desempenhando bem o trabalho. Feliz pelos gols e por desempenhar bem nosso papel. Importante é conquistar títulos. Se a artilharia vier, será bem-vinda - afirma.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos