Topo

Esporte


Revelação do São Paulo, Caíque se coloca à disposição de Aguirre

Rubens Chiri/saopaulofc.net
Imagem: Rubens Chiri/saopaulofc.net

2018-03-23T07:30:00

23/03/2018 07h30

Utilizado pelo uruguaio Diego Aguirre no segundo tempo da partida contra o São Caetano, pelas quartas de final do Paulistão, na última terça-feira, o atacante Caíque, um dos jogadores da base que mais se destacaram nesta até este momento da temporada, elogiou o trabalho do novo treinador e fez coro para a entrada de jogadores revelados em Cotia no profissional do São Paulo.

"O Aguirre não teve muitos dias para treinar a gente, mas pelo pouco tempo, já deu para vermos que ele é um cara trabalhador e competitivo. Nós, da base, estamos treinando muito no dia dia e ele vem nos dando oportunidades de mostrar que podemos ajudar o São Paulo. Nós estamos correspondendo dentro de campo" afirmou o jogador, que era lateral nas categorias de base e virou atacante na equipe de cima.

Antes mesmo de Diego Aguirre assumir o comando do Tricolor no banco de reservas, Caíque já tinha tido uma chance com o treinador. Na partida contra o Red Bull Brasil, pela última rodada da fase de classificação do estadual, o garoto foi escalado como titular. Naquela ocasião, o uruguaio já havia sido anunciado pelo clube, mas não pôde dirigir a equipe por conta de problemas com seu visto de trabalho no Brasil.

Embora quase não tenha tempo para treinar o São Paulo, Aguirre vai conhecendo o elenco aos poucos. Antes de assinar com o Tricolor, o uruguaio assistiu a seis partidas da equipe e, diariamente vai coletando informações com outros funcionários que trabalham no departamento de futebol.

"Peguei muitas informações para vir. É um momento difícil, há uma pressão para conquistar coisas, o que é normal. Mas ainda não posso dar uma opinião definitiva dos jogadores. Foram poucos treinos, e os jogos são fundamentais para ver se aproveitam as oportunidades", disse o treinador em entrevista ao Sportv, na última quinta (22).

Ciente disto, Caíque e os outros jogadores revelados em Cotia trabalham arduamente por uma oportunidade. Os garotos reconhecem as dificuldades, principalmente com a equipe em um momento delicado na temporada, prestes a disputar a semifinal do Paulistão, a quarta fase da Copa do Brasil e a estreia na Copa Sul-Americana. Mesmo assim, se Aguirre precisar, vontade não será um problema.

"Me sinto pronto e preparado. Gosto de jogar decisões e estou confiante que posso ajudar o São Paulo nesses jogos importantes, nessa reta final do Paulistão", afirmou Caíque, que, aos poucos, busca se consolidar no Tricolor.

Mais Esporte