Jucilei lembra gesto de Gabriel e não quer São Paulo caindo em provocação

O Corinthians usará o clima tenso criado na ida, no Morumbi, para o jogo desta quarta-feira, em Itaquera. Essa é a impressão de Jucilei depois das polêmicas envolvendo Diego Aguirre e Fabio Carille, que não se cumprimentaram antes da vitória por 1 a 0 do São Paulo, e da comemoração de Nenê diante do banco adversário. O volante lembrou ainda que, no ano passado, Gabriel comemorou gol alvinegro no Majestoso, no estádio tricolor, fazendo gestos obscenos.

- Eu nem sabia do fato que aconteceu com Aguirre e Carille, fui saber na chegada ao CT. E a comemoração do Nenê acredito que é um fato normal, vai extravasar mesmo. O Gabriel fez isso da outra vez. Mas é claro que apimenta, eles vão levar isso para dentro de jogo. Precisamos ter calma, não cair em provocação e sair para o jogo - disse Jucilei à ESPN.

No empate por 1 a 1 entre São Paulo e Corinthians no ano passado, em 24 de setembro, pelo segundo turno do Campeonato Brasileiro, Gabriel já estava no banco quando comemorou o gol e fez gestos obscenos em direção à torcida tricolor, no Morumbi. Acabou suspenso pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Agora, o São Paulo venceu por 1 a 0 a ida da semifinal, no Morumbi, e só precisa empatar em Itaquera, nesta quarta-feira, para chegar à final do Campeonato Paulista. O Corinthians tem a obrigação de ganhar por dois gols de diferença, ao menos, para passar no tempo normal. Triunfo alvinegro com vantagem de um gol leva a decisão para os pênaltis.

- Não tem favorito. São duas equipes grandes, e o clássico é decidido em detalhes. Lá, vai ser um jogo difícil. Temos de jogar com inteligência, não cair em provocação. Vai ser um jogo nervoso. Precisamos jogar com inteligência, temos o empate a nosso favor - pediu Jucilei.

- Vai ser um jogo difícil. Em clássico, não tem jogo fácil, ainda mais na casa deles. Temos o 1 a 0, é mínimo, mas é considerável. Termos de jogar lá fechadinhos e ficar no contra-ataque. É isso que o Corinthians faz sempre, dá a bola e sai no contra-ataque. Mas conseguimos fazer uma grande partida no Morumbi - completou o volante.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos