Paredão de volta! Depois da seleção, Martin Silva reforça Vasco na quinta

Garantia de segurança e ídolo do torcedor cruz-maltino, Martin Silva retorna ao Vasco na semifinal de quinta-feira, contra o Fluminense. Depois de servir a seleção uruguaia na China Cup - competição da qual a Celeste foi campeã, vencendo República Tcheca e País de Gales - o experiente goleiro de 34 anos volta ao time de Zé Ricardo bem no momento decisivo do Campeonato Carioca. E o rendimento da equipe vascaína costuma depender muito do arqueiro.

Com Martin Silva em campo, o Vasco venceu oito dos seus 13 jogos em 2018. Mas é quando o uruguaio fica de fora que a sua importância fica ainda mais em evidência: dos quatro jogos que não atuou, o Cruz-Maltino perdeu três deles. O último foi exatamente na quarta-feira passada, quando Gabriel Félix substituiu o uruguaio na semifinal da Taça Rio, com derrota por 3 a 2 diante do Botafogo.

Além destes números, Martin tem se destacado na Libertadores, sendo herói do Vasco na eliminatória contra o Jorge Wilstermann, na Bolívia, quando defendeu três cobranças de pênalti. Nos clássicos, o uruguaio ainda não foi derrotado na temporada: dois empates e uma vitória com ele na meta.

Contra o Fluminense, Martin Silva deve completar 210 jogos pelo Vasco. No clube desde 2014, o goleiro uruguaio é bicampeão carioca pelo Cruz-Maltino. Para chegar a final do Estadual, a equipe de Zé Ricardo precisará vencer o rival no Maracanã, já que o Tricolor tem vantagem do empate pelo título da Taça Rio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos