Rússia diz que boicote de autoridades não afetarão a Copa do Mundo

A Rússia não se mostrou preocupada com os recentes boicotes de autoridades oficiais à Copa do Mundo. Nesta quarta-feira, o Kremlin emitiu nota e afirmou que os vetos não atrapalharão o Mundial. Inglaterra e Islândia já informaram que não enviarão representantes à competição.

De acordo com a agência de notícias "RIA", a Rússia responderá na mesma moeda à expulsão de diplomatas russos por países ocidentais, afirmou Valentina Matviyenko, presidente da câmara alta do parlamento.

- Sem qualquer dúvida, a Rússia, como é da prática diplomática, irá responder simetricamente e observar paridade quando se trata do número de diplomatas - disse Matviyenko.

O envenenamento do ex-espião russo Sergei Skripal e de sua filha em Salisbury, cidade inglesa, com uso de agente nervoso afetou as relações entre Londres e Moscou. O Reino Unido acusa pelo ataque a Rússia, que nega qualquer envolvimento.

Na última segunda-feira, foi a vez dos Estados Unidos entrarem na jogada. Os norte-americanos avisaram que expulsarão 60 diplomatas russos do país.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos