Por uso de medicamento proibido, Iago Maidana está temporariamente suspenso de jogos do Atlético-MG

Uma das contratações do Atlético-MG para esta temporada, o zagueiro Iago Maidana está temporariamente suspenso dos jogos disputados pelo grupo. Na última segunda-feira, o jogador aproveitou a folga do elenco para ir ao médico para tratar uma inflamação no ouvido, conhecida como otite. Entretanto, o remédio indicado pelo especialista faz parte da lista de substâncias proibidas pela Agência Mundial Antidoping (WADA), o que explica o veto.

O clube afirma ter consultado a CBF antes de determinar a suspensão e o jogador retornará ao time quando o medicamento for totalmente eliminado de seu organismo. Enquanto isso, Iago Maidana será constantemente avaliado pelos médicos do Atlético-MG para evitar que o clube seja prejudicado em caso da acusação de substâncias proibidas no exame antidoping.

Um problema semelhante aconteceu com o clube antes das quartas de final do Campeonato Mineiro, quando o venezuelano Otero realizou cirurgia plástica sem a autorização do clube e perdeu treinos da semana. Por conta disso, o meia-atacante ficou fora de um jogo e foi multado.

A suspensão não impede que Maidana treine normalmente. Mas, sem o defensor, a tendência é que Thiago Larghi utilize outras opções para suprir a ausência, como Bremer, Matheus Mancini e Felipe Santana.

Em pronunciamento na Cidade do Galo, o médico do Galo, Dr. Marcus Vinicius, informou que os jogadores recebem um comunicado anual do DM do clube para que avisem sobre qualquer procedimento médico realizado fora do Atlético.

Confira o pronunciamento do médico do Atlético-MG, Dr. Marcus Vinícius.

Após o episódio do Otero, que ele fez um procedimento estético sem o nosso conhecimento, nós reunimos novamente os jogadores e esclarecemos sobre uma série de compromissos que eles têm conosco enquanto profissionais. No início do ano, durante a pré-temporada, nós fizemos um comunicado aos atletas, informando a eles, por escrito, todas as normas de convivência que precisamos para que o clube funcione de maneira organizada. Isso foi feito em 22 de janeiro. Nesse comunicado, que todos recebem, está incluído a visita e uso de medicamentos fora do prescrito pelos médicos do clube. Além disso, faço uma reunião com todos eles, comunicando isso pessoalmente, abrindo para perguntas para que eles possam esclarecer quaisquer dúvidas. Depois do episódio do Otero, fizemos uma segunda reunião. Agora, fizemos uma terceira reunião. Para nossa surpresa, na nossa folga da segunda-feira, o atleta Iago Maidana procurou um médico devido a uma otite. E o médico, sem o conhecimento das práticas do esporte, medicou o atleta com um medicamento que é proibido pela Wada, o órgão mundial de controle de dopagem. Fizemos uma consulta junto a CBF e foi confirmado que o jogador está temporariamente afastado de qualquer competição, até que a gente tenha segurança que o medicamento já foi eliminado do organismo dele.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos