Moisés deve ter sequência inédita no Verdão em 2018 com Liberta e final

Moisés deve ter a partir desta terça-feira sua primeira sequência como titular no Palmeiras em 2018. Ele é o principal candidato a substituir Bruno Henrique contra o Alianza Lima (PER), às 21h30, pela segunda rodada da Libertadores. Na final do Paulista, diante do Corinthians, domingo, é também o favorito a jogar na vaga de Felipe Melo, suspenso.

Depois de realizar uma pré-temporada mais longa, o camisa 10 atuou apenas oito vezes na temporada; uma como titular (contra o Ituano, quando Roger usou uma equipe mista). Mas desde o início do mata-mata no Paulistão, tem entrado com frequência e jogou bem o segundo tempo do Dérbi em Itaquera, vencido pelo Verdão na primeira decisão do Estadual.

Com jogadores desgastados em meio à decisão do título paulista, como Bruno Henrique, o Verdão terá mudanças na escalação nesta terça à noite.

Depois de vencer o Junior Barranquilla (COL) na estreia, o time tenta manter-se com 100% de aproveitamento na Libertadores. Cortado do banco no triunfo diante dos colombianos, Moisés fará apenas sua segunda partida na competição - a outra foi na eliminação de 2017, contra o Barcelona (ECU).

Naquela noite, o camisa 10 foi o autor do gol que levou a decisão para os pênaltis - mesmo depois de levar uma pancada e terminar a partida mancando, ainda converteu sua cobrança, mas não conseguiu evitar a queda nas oitavas de final. Se no time de Cuca ele era o armador, com Roger ele tem atuado como gosta.

- No começo do ano o Roger me perguntou em quais funções eu gostaria de jogar. Disse que minha principal função é volante, primeiro ou segundo. Hoje, não está jogando o Felipe preso e o Bruno com liberdade. Eles jogam lado a lado, com liberdade. Os dois exercem a mesma função, só que têm características diferentes - avisou.

Por conta deste posicionamento, Moisés não se preocupa caso de fato tenha de substituir Bruno Henrique nesta noite e Felipe Melo na final de domingo, no Allianz Parque.

- São duas funções bem próximas. Tenho total tranquilidade para desempenhar. Mas não dá para falar mais sobre isso porque não sei nem se sou eu que vou jogar, tem outros jogadores brigando. Por enquanto é só expectativa mesmo. Estou preparado, estou aguardando esse momento desde que voltei a treinar. Caso aconteça, espero representar da melhor forma - afirmou o "Profeta".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos