Derrota para o Real na Champions faz ações da Juventus caírem 7%

A derrota por 3 a 0 para o Real Madrid, em Turim, na última terça-feira, pela Liga dos Campeões, causou prejuízos à Velha Senhora não apenas dentro de campo. Fora dele, as ações do clube caíram 7% na abertura da Bolsa de Valores Italiana nesta quarta-feira. Agora, estão cotadas em 0,63 euro (R$ 2,5). É o menor valor nos últimos oito meses.

Desde o início de 2018, as ações da Juventus despencaram 18%, a maior queda entre os 22 clubes de futebol da Europa que têm participação em bolsas. Agora, o valor de mercado da Velha Senhora está estimado em 633 milhões de euros (R$ 2,6 bilhões).

Essa queda não é incomum na história recente da Juventus. Em junho do ano passado, quando perdeu a final da Liga dos Campeões por 4 a 1 para o próprio Real Madrid, as ações caíram 12%. O clube só conseguiria se recuperar três meses depois.

Para garantir um lugar nas semifinais da Liga dos Campeões, a Juventus precisa de um verdadeiro milagre. A equipe precisa vencer o Real Madrid, no Santiago Bernabéu, por, no mínimo, três gols de diferença. A volta está marcada para próxima quarta-feira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos