Embalado, Atlético-MG bate o Ferroviário com direito a goleada

O clima ameno e a forte chuva que caía sobre Belo Horizonte nos momentos iniciais do confronto entre Atlético-MG e Ferroviário combinaram com o chocolate que o Galo deu nos pernambucanos. Com boa troca de passes, os comandados de Thiago Larghi se sobressaíram no Independência e cravaram 4 a 0, com gols de Ricardo Oliveira, Otero e Róger Guedes.

O resultado gera uma boa vantagem aos mineiros para o duelo de volta, que acontece no dia 18 de abril, no Castelão (CE). Por outro lado, o Ferroviário precisa vencer por cinco gols de diferença para avançar às oitavas de final.

OTERO, O ILUMINADO

Rei das bolas paradas, o venezuelano desperdiçou uma boa oportunidade ao bater mal falta cobrada próximo à área, mas não demorou para fazer as pazes com a torcida. Após o lance perdido, Otero contou com boas jogadas com Arouca e Gustavo Blanco e marcou dois gols na vitória atleticana.

RICARDO OLIVEIRA CONTINUA VOANDO

Nesta quarta-feira, o artilheiro voltou a mostrar o porquê de ser tão querido pelos atleticanos. Em casa, Ricardo Oliveira recebeu bom passe de Samuel Xavier e abriu o placar para os mandantes com apenas um minuto de bola rolando. Com o tento, o centroavante chega ao seu nono gol em 17 jogos disputados pelo Galo.

O JOGO

Um minuto. Foi o tempo que o Atlético-MG demorou para abrir o placar diante do Ferroviário. No primeiro lance favorável, Samuel Xavier saiu em velocidade pela lateral e cruzou na medida para Ricardo Oliveira cabecear no fundo do gol. Mesmo com o Galo dominando as principais chances em campo, o Ferroviário investiu em contra-ataques e na marcação, dando alguns sustos no goleiro Victor.

Não demorou para o grupo alvinegro encontrar brechas. Rei das bolas paradas, Otero foi escolhido para uma cobrança de falta mal batida, mas, apesar do erro, as pazes com a torcida veio logo depois. Após boa troca de passes no meio de campo entre Gustavo Blanco e Arouca, a bola encontrou o venezuelano, que arriscou chute de longe e surpreendeu o goleiro Léo com um desvio para carimbar o segundo tento do Atlético aos 28 minutos.

Mesmo sendo derrotado, o Ferroviário conseguiu um belo contra-ataque pela esquerda, porém Juninho Quixadá errou na hora de finalizar e sobrou para a zaga atleticana. Na sequência, mais um ataque do Peixe e grave erro de Victor, que saiu mal para fazer a defesa e quase perdeu a bola. O efeito do susto foi a chegada do terceiro gol alvinegro. Ágil, Gustavo Blanco encostou na pequena área e deixou na medida para Otero balançar as redes aos 39 e fechar o primeiro tempo com boa vantagem para o Galo.

Os dois times retornam mais atentos para o segundo tempo, mas o Ferroviário voltou a ser prejudicado pela desorganização da defesa. Com apenas quatro minutos de bola rolando, os comandados de Thiago Larghi garantiram a goleada. Em boa chegada, Róger Guedes passou pela zaga e encontrou a defesa Léo, que rebateu e voltou para Erik empurrar para o gol.

No decorrer da partida, o Ferroviário pareceu estar conformado com o resultado desfavorável e perdeu velocidade, mas não deixou de aproveitar boas chances perto da área e ficou perto de marcar seu primeiro gol em cobrança de falta batida por Túlio, que tirou tinta da trave.

Enquanto isso, o Atlético-MG continuou pressionando, principalmente com fortes investidas de Róger Guedes, que manteve o rendimento do substituído Otero. No último minuto do tempo regulamentar, o atacante ainda tentou marcar o quinto gol na saída de Léo, mas Túlio salvou. Após dois minutos de acréscimos, o jogo chegou ao fim com tranquila troca de passes.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG 4 X 0 FERROVIÁRIO

Local: Independência, Belo Horizonte (MG)

Data-Hora: 04/04/2018 - 19h30

Árbitro: -

Auxiliares: Helcio Neves (PA) e José Coimbra (PA)

Público/renda: -

Cartões amarelos: Samuel Xavier (CAM); Erandir, Robson Simplício (FER)

Cartões vermelhos: -

Gols: Ricardo Oliveira (1'/1ºT)(1-0), Otero (28'/1ºT) (2-0), Otero (39'/1ºT) (3-0), Róger Guedes (4'/2ºT) (4-0).

ATLÉTICO-MG: Victor; Samuel Xavier, Bremer, Gabriel, Fábio Santos (Danilo Barcelos, aos 25'/2ºT); Arouca, Gustavo Blanco; Cazares, Otero (Rogér Guedes, 2ºT), Tomás Andrade; Ricardo Oliveira (Erik, 2ºT). Luan (Tomás Andrade, aos 29'/2ºT); . Técnico: Thiago Larghi.

FERROVIÁRIO: Léo; Emerson Santos, Túlio, Erandir, Sávio; Liniker, Mazinho (Robson Simplício, aos 42'/2ºT), Janeudo; Luís Soares (Valdeci, 2ºT) , Andrei, Juninho Quixadá, (Mota, aos 8'/2ºT). Técnico: Ademir Fonseca.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos