Topo

Esporte


A última cartada: Carille aposta em esquema que já surpreendeu o rival

2018-04-05T07:00:00

05/04/2018 07h00

A ideia do técnico Fábio Carille para 2018 era definir o esquema do Corinthians ainda na pré-temporada, mas viu o plano naufragar por conta da falta de um camisa 9. Ainda em busca de seu time ideal, o treinador tenta a última cartada para reverter a vantagem do Palmeiras e conquistar o Paulistão: a volta do 4-2-4, que surpreendeu o próprio rival no Dérbi da fase de grupos.

Carille começou a esboçar o Corinthians para a decisão na última quarta-feira e terá mais três dias de trabalhos para fazer ajustes. Logo após a derrota por 1 a 0 no duelo de ida da final, o treinador avisou que não era hora para testar algo diferente, mas que iria escalar uma equipe mais ofensiva.

Sem algum atacante como referência, o esquema 4-2-4 começou a ser adotado justamente diante do Palmeiras. Na ocasião, o Timão surpreendeu o rival e venceu por 2 a 0 na Arena em Itaquera.

Após mais seis partidas, porém, Carille viu a necessidade de voltar a ter algum jogador como referência no ataque para reverter a vantagem do Bragantino nas quartas de final. A mudança surtiu efeito, e o Timão avançou.

Ao longo desta temporada, o Corinthians já foi escalado no 4-1-4-1, 4-2-3-1 e 4-2-4. Carille sente falta de um camisa 9 e faz mudanças para adaptar a equipe ao elenco.

- Estamos buscando o time ainda, isso está muito claro. Não gosto de ficar mudando muito, mas é a necessidade, a circunstância. Tenho um grupo igual, todos sabem o que fazer. Sabemos das nossas dificuldades, mas não tenho que ficar falando "ah, se eu tivesse um jogador assim". Não tenho, então trabalho e deixo tudo organizado para quando entrarem em campo saberem o que fazer - disse Carille, após a semifinal contra o São Paulo.

Cássio, Fagner, Balbuena, Henrique e Sidcley; Ralf e Maycon; Romero, Jadson, Rodriguinho e Mateus Vital foi o time ensaiado na quarta.

Após as mudanças, Carille tenta sua última cartada neste Paulistão. Até agora, as outras mexidas deram resultado. Vai surpreender novamente?

Mais Esporte