CBF nomeia dono de helicóptero apreendido com cocaína como diretor

Gustavo Perrella, ex-secretário nacional de futebol, foi nomeado como novo diretor da Confederação Brasileira de Futebol. Segundo a "Folha de São Paulo", Gustavo tomou posse na confederação em janeiro, após deixar o cargo que ocupava no governo do presidente Michel Temer. Porém, o nome do dirigente não aparecia no site da CBF até a noite da última quarta-feira, quando a "Folha" confirmou a contratação e questionou a ausência do cartola na lista de diretores da página. Seu posto é comandar a diretoria de desenvolvimento e projetos da CBF.

Gustavo Perrella, de 34 anos, ficou conhecido quando um helicóptero de sua empresa foi apreendido, em 2013, com 445 kg de cocaína, no Espírito Santo. Ele foi denunciado pelo Ministério Público Federal por tráfico de drogas. A PF apurou que não houve envolvimento e o liberou das acusações.

A CBF divulgou uma nota e afirmou que a escolha de Gustavo Perrella se deu pela "sua experiência na condução de programas de desenvolvimento do esporte".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos