'O torcedor pode esperar um time guerreiro e de luta', frisa Valentim

A desvantagem no placar pode não ser o único empecilho do Botafogo neste domingo. Necessitando de uma vitória por dois gols de diferença para tornar-se campeão carioca em cima do Vasco, no Maracanã, o Glorioso corre o risco de ouvir vaias nos primeiros minutos em caso de contratempos.

Questionado sobre as tais possíveis vaias e se havia um recado final para o torcedor antes da finalíssima, Alberto Valentim enalteceu o empenho do grupo no dia a dia e, sem se alongar sobre a hipótese de cobranças excessivas oriundas das arquibancadas, que estarão lotadas, garantiu um "time guerreiro" nos 90 minutos.

- Não falo de vaias, mas o que posso dizer é que o torcedor que for pode esperar um time guerreiro, de espírito e de luta. Faremos tudo para sairmos campeões - disse Alberto Valentim.

- Esse é um jogo que não tem favorito para mim. Temos que entrar muito tranquilos e lembrar que estamos querendo muito o título. Senão só teremos a possibilidade do título estadual ano que vem. Também posso garantir que, aqui, estão todos concentrados e muito tranquilos, e a semana tem sido boa - completou o treinador de 43 anos.

Valentim também vibrou com a possibilidade de treinar de forma aberta à torcida, neste sábado, no Nilton Santos. A final, cabe destacar, será realizada às 16h (de Brasília).

- Vai ser muito legal ter o apoio do nosso torcedor. A gente tem um ambiente de muito respeito, de gente séria. E eu já falei diversas vezes do quanto esse grupo é forte e tem vontade de vencer.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos