Aguirre sinaliza São Paulo com três zagueiros para duelo na Argentina

Como já virou costume desde a chegada do técnico Diego Aguirre, o São Paulo fez mistério durante a preparação para a estreia na Copa Sul-Americana, na próxima quinta (12), contra o Rosario Central, na Argentina. Nos 15 minutos iniciais, aos quais os jornalistas tiveram acesso ao CT da Barra Funda, o comandante do Tricolor 'escalou' um time com onze titulares de linha e sinalizou que pode iniciar o confronto com três zagueiros.

Os escolhidos de Aguirre foram Régis, Éder Militão, Rodrigo Caio, Arboleda, Reinaldo, Jucilei, Petros, Liziero, Nenê, Valdívia e Tréllez. Para o jogo em Rosario, o comandante uruguaio deve sacar um dos atletas e o mais cotado é o cabeludo Valdívia, que retornou aos treinos após se recuperar de um pequeno estiramento no músculo posterior da coxa esquerda sofrido na partida contra o São Caetano, pelas quartas de final do Paulistão.

A tendência é de que o São Paulo inicie a partida atuando no 3-5-2, mas podendo trocar o sistema durante a partida, para um 4-3-3, conforme as diferentes situações que um jogo pode proporcionar.

Para reforçar os trabalhos, a comissão técnica contou com os garotos da equipe sub-19 do Tricolor, que deixou o CT de Cotia para trabalhar com os profissionais. Já sem a presença dos jornalistas, Aguirre simulou algumas situações de jogo e corrigiu o posicionamento de seus jogadores em campo.

O São Paulo viaja para a Argentina na terça (10) pela manhã. O elenco volta a treinar na quarta, véspera da partida, de olho no confronto com o Rosario Central. Será o primeiro confronto internacional do Tricolor nesta temporada. O jogo de volta acontece no dia 12 de abril, no Morumbi.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos