Em comemoração, Sheik ataca Galiotte: "doente mental por falar isso"

Após ser campeão paulista no Allianz Parque, o Corinthians foi comemorar o título em uma casa noturna na zona sul de São Paulo. Na entrada da festa, Emerson Sheik voltou a falar sobre as declarações do presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, que afirmou que o clube alviverde é "muito maior que um Paulistinha". O atacante do Timão disse que Galiotte é "doente mental".

"Ele é um doente mental de falar uma coisa dessas, porque acaba desmerecendo as equipes que disputaram a competição, a Federação, os atletas e os funcionários de cada clube. Acho que ele está equivocado, o Campeonato Paulista é grande, é o maior regional do país, o mais disputado e mais competitivo. Talvez em um momento de cabeça quente ele tenha dado essa declaração, mas foi muito infeliz. Ele se contradiz, porque na semifinal o Campeonato Paulista era grande, e depois que perde a final não vale nada. Ele precisa ver os conceitos e mudar a opinião rapidamente, porque representa uma grande instituição, que é grande também, e não é porque perdeu o Campeonato Paulista para o Corinthians vai se tornar pequeno. Não é. Mas o presidente do Palmeiras tem que ser tão grande quanto o clube", afirmou Sheik, ao SporTV.

Ainda no Allianz Parque, o atacante já havia postado um vídeo em seu Instagram dizendo "que dó da formiguinha". Ele aparecia ao lado da taça com Jadson, outro jogador que também provocou o rival após o título.

Em relação à entrevista Maurício Galiotte, o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, ironizou ao falar que "até a semifinal era um campeonato bom".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos