Com grama sintética rejeitada, Audax receberá Botafogo em campo neutro

O que poderia ser um empecilho para o Botafogo na estreia da Copa Sul-Americana, em partida contra o Audax Italiano, no Chile, não causará dor de cabeça para Alberto Valentim e companhia. A Conmebol não autorizou o clube chileno a mandar a partida no recém-reformado Estádio Bicentenario de La Florida por conta da grama sintética.

A casa do Audax, equipe de Loco Abreu, que, atualmente, está na reserva, possui um gramado artificial que já recebeu até certificação da Fifa, recentemente, porém não será terreno da Sul-Americana por conta da entidade do continente. Assim, o duelo será realizado no San Carlos de Apoquindo, na cidade de Las Condes, na região metropolitana da capital Santiago.

Casa da Universidad Católica, o estádio em que o Botafogo iniciará a trajetória na competição tem capacidade para 18 mil torcedores. Cabe lembrar que o time chileno vive péssima fase na temporada e, agora, terá que se desdobrar em um campo neutro.

Em dois dos quatros jogos como mandante em 2018, todos pelo Chileno, o Audax Italiano perdeu ambos os compromissos no Bicentenario de La Florida - para Huachipato e Universidad de Chile. Os outros dois, em partidas em um terceiro palco, empatou um e venceu outro - contra Temuco e Everton, respectivamente.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos