Corinthians encontra dificuldades para contratar atacante venezuelano

A diretoria do Corinthians encontra dificuldade para contratar o tão esperado camisa 9 e a situação se confirma mesmo com um alvo na mira. É o caso do centroavante José Salomon Rondón, venezuelano que atua no West Bromwich (ING). A contratação é vista com pessimismo, pelos obstáculos necessários para concretização.

Aos 28 anos, Rondón ainda tem mercado na Europa. Mesmo com o West perto de ser rebaixado na Premiere League, da qual é lanterna, ele deve ser procurado por outros clubes ao término da temporada. O atacante tem contrato até junho do ano que vem, então a tendência é que seja necessário investimento financeiro, que também dificulta para o Corinthians.

O nome do venezuelano já foi analisado e aprovado pelos profissionais do CIFUT, Centro de Inteligência de Futebol do Corinthians. Ele tem as características que a comissão técnica julga necessárias para ser o tão esperado centroavante. O Timão busca esse jogador desde que Jô foi negociado com o futebol japonês no fim do ano passado.

A diretoria do Corinthians trabalha com outros nomes para a posição, e acredita que pode definir a questão em breve. No último domingo, o presidente Andrés Sanchez disse que uma hora esse jogador vai chegar e o técnico Fábio Carille disse que novidades estão chegando.

A janela de transferências internacionais abre no dia 10 de junho, portanto qualquer contratação de fora só integraria o elenco na parada para a Copa do Mundo. O Corinthians estreia no Campeonato Brasileiro neste domingo contra o Fluminense na Arena. Corinthians.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos