'Sem clima', FPF devolve camarote no Allianz; Crefisa assumirá o espaço

Diante da crise com o Palmeiras, a Federação Paulista de Futebol entregou o camarote que usava em parceria com a CBF no Allianz Parque. A entidade considera que não há clima para manter o espaço por conta do rompimento do clube após a final do Paulista. A Crefisa ocupará este espaço.

A FPF oficializou a devolução, tanto que no jogo contra o Boca Juniors (ARG) o local estava vazio. A patrocinadora do Palmeiras, que tem outros camarotes na arena, já se prontificou a assumir também este entregue pela Federação. Procuradas, tanto a Crefisa quanto a WTorre disseram que não vão se pronunciar.

Este é apenas mais um capítulo da briga de bastidores após a decisão do Paulistão. Derrotado pelo Corinthians no Allianz Parque, o Palmeiras entrou com o pedido no TJD-SP pedindo a impugnação do jogo, alegando interferência externa na reversão do pênalti inicialmente dado em cima de Dudu.

O tribunal vai iniciar o inquérito na terça-feira e espera-se que na segunda seguinte, dia 23, já tenha ouvido todos os envolvidos e possa levar o tema para a comissão do TJD-SP. Caso seja confirmada a participação externa na decisão sobre a penalidade, o jogo pode ser anulado.

O Palmeiras, enquanto isso, está rompido com a FPF, tanto que não enviou representantes à festa dos melhores do Paulista - o clube seguirá boicotando reuniões e eventos da entidade.

Em carta assinada pelo presidente Maurício Galiotte, o Verdão pede a instituição do árbitro de vídeo em todas as partidas do Estadual de 2019, além da gravação e divulgação, quando necessário, das conversas entre o trio de arbitragem.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos