Topo

Esporte


Andrés diz que Fla queria Carille e Rodriguinho; técnico desconhece

2018-04-17T17:37:43

17/04/2018 17h37

Andrés Sanchez, presidente do Corinthians, disse nesta terça-feira que o Flamengo sondou o meia Rodriguinho e ofereceu R$ 1 milhão por mês ao técnico Fábio Carille. A declaração foi dada após a reunião que consagrou Rogério Caboclo como novo presidente da CBF, no Rio de Janeiro. Andrés esteve presente e votou em branco, enquanto Eduardo Bandeira de Melo, presidente do Fla, preferiu acompanhar pessoalmente o treino aberto de sua equipe no Maracanã.

- Eu venho aqui, me posiciono. Cadê ele (Bandeira de Mello)? Deve estar lá sondando o Rodriguinho, querendo o Carille. Isso que ele fez. Ofereceu R$ 1 milhão por mês para levar o Carille. Não vai levar. Tentou tirar o Rodriguinho. Não vai tirar. Dou 50% de desconto na multa do Rodriguinho e garanto que ele não leva. Gestão de nada. Ele vai sair e a conta vai chegar paro Flamengo - disparou Andrés Sanchez.

Fábio Carille concedeu entrevista coletiva pouco depois, após comandar treino na Argentina, onde o Corinthians enfrenta o Independiente (ARG) nesta quarta-feira, pela Libertadores. O técnico disse desconhecer a proposta e falou com bom humor.

- R$ 1 milhão por mês? Pego minha mala, Dutra e tchau (risos). Não chegou nada a mim, só se falaram com meu empresário. Estou bem aqui.

Bandeira de Melo também falou com jornalistas para negar que tenha feito as ofertas mencionadas por Andrés:

- Acho um absoluto disparate. Não foi feito nenhum tipo de proposta pelo Carille ou pelo Rodriguinho, muito menos por esses valores. Tem alguém enganando alguém.

Mais Esporte