Para esquecer a Champions! Sevilla e Barcelona decidem a Copa do Rei

Se o Campeonato Espanhol está bem encaminhado, na Copa do Rei não tem nada definido. Pela grande final do torneio, Sevilla e Barcelona se enfrentam neste sábado, às 16h30, no Wanda Metropolitano, e querem espantar a má fase desde a eliminação na Liga dos Campeões. Ambas as equipes tropeçaram na última rodada da La Liga.

O Barcelona é o maior campeão da Copa do Rei. São 29 títulos conquistados pelo time catalão, enquanto os Rojiblancos querem levantar a taça pela sexta vez.

No lado do Barcelona, o treinador Ernesto Valverde afirmou que a equipe tem a obrigação de ganhar títulos. O técnico ainda lembrou do último jogo contra o Sevilla, pelo Espanhol, em que o time catalão sofreu para empatar.

- Aquela partida nos serviu de aviso. Eles têm qualidade para definir a partida em qualquer momento. Não tem nada ganho. Mas no Barcelona temos a obrigação de ganhar títulos. Porém, não podemos entrar com a mentalidade de que já está ganho - disse Valverde em coletiva.

Esta partida pode ser a última final do craque Iniesta, com a camisa do Barcelona. Há vários rumores de uma possível saída do jogador ao final desta temporada. Apesar disso, o meia Rakitic disse não sabe o futuro do companheiro, mas que o apoia nas decisões.

- Não me lembro dele ter dito que já está certo que vai sair. Como grande amigo, vou apoiar em tudo, mas não devemos falar disso agora. Ele ainda faz parte do clube e vamos dar suporte a ele - declarou.

Rojiblancos de olho em Messi

A grande preocupação do Sevilla para o confronto é o argentino Lionel Messi. Tanto o técnico Vincenzo Montella, quanto zagueiro Escudero esperam que o craque não esteja inspirado.

- É um extraterrestre. Espero que amanhã ele não esteja na Terra. Quando está com a bola, é muito difícil parar o jogo dele. O fundamental é não deixar a bola chegar nele - disse o treinador.

O zagueiro Escudero acredita na vitória do Sevilla. O jogador ressaltou que em uma decisão de torneio, a parte mental é mais importante que o físico.

- Esses dias de concentração foram positivos. Estamos confiantes de que vamos vencer. A equipe vai chegar bem, mas esse tipo de partida pede mais cabeça do que perna - disse o jogador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos