São Paulo recusa proposta do Vasco, mas não relaciona Diego Souza

Diego Souza não viajou com a delegação do São Paulo para Fortaleza, neste sábado, mas ainda não é para deixar o clube. A diretoria recusou a proposta de empréstimo feita pelo Vasco. O camisa 9, contudo, não fica nem no banco contra o Ceará, neste domingo, pelo Campeonato Brasileiro, por opção técnica.

O clube carioca tentou levar o meia-atacante por empréstimo, dividindo salários com o Tricolor, e ouviu "não" dos paulistas. A intenção da diretoria comandada por Raí é insistir em uma reação do jogador, que custou cerca de R$ 10 milhões ao clube há três meses.

Mas a tentativa de fazer Diego Souza vingar passa por convencer Diego Aguirre. O técnico não tem ficado satisfeito com o desempenho do jogador, tanto que nem o levou para a Argentina na semana passada, na partida contra o Rosario Central, pela Copa Sul-Americana. O camisa 9 ainda ficou fora da primeira rodada do Brasileiro alegando amigdalite e, mais uma vez, não agradou ao entrar no segundo tempo do empate por 2 a 2 diante do Atlético-PR, na quinta-feira, no Morumbi, que eliminou o time da Copa do Brasil.

A partir desta semana, a ideia é encontrar com o treinador uma maneira de não jogar fora o segundo maior investimento do clube na temporada - perde para os R$ 15 milhões recém-investidos em Everton, que saiu do Flamengo. Cedê-lo pagando parte dos salários, como queria o Vasco, é um caminho completamente descartado pela diretoria no momento, e não se imagina uma nova investida dos cariocas, já que a informação é de que os valores de Diego Souza assustam o time de São Januário.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos