Fortaleza derrota o CRB na Arena Castelão e segue 100% na Série B

Em busca de sua terceira vitória na Série B do Campeonato Brasileiro, o Fortaleza recebeu na noite desta terça-feira a equipe do CRB, na Arena Castelão, com boa presença dos torcedores. E o Leão fez bonito. Dominando boa parte do jogo, o Tricolor do Pici chegou a levar alguns sustos durante os 90 minutos, porém alcançou a marca de três vitórias seguidas na competição.

O resultado manteve, além dos 100% do time de Rogério Ceni, a liderança isolada na tabela momentaneamente (já que outras equipes que lutam para chegar à primeira colocação ainda jogarão na rodada), com 9 pontos somados, e agora terá como próximo desafiante o Londrina, no dia 1º de maio. Já os alagoanos amargaram sua terceira derrota seguida, ocupando a lanterna, e agora já passam a focar o Atlético-GO, em partida agendada para o dia 5 de maio.

O jogo

Aproveitando o fator casa, o Fortaleza sabia da importância de impor sua força logo no início da partida. E surtiu efeito. Logo aos seis minutos, Osvaldo, aproveitando passe após boa jogada de Edinho, abriu a contagem para o time cearense na Arena Castelão: 1 a 0.

O gol dos comandados de Rogério Ceni, deu um ânimo extra à torcida do Leão. Com isso, o time passou a tentar controlar mais a posse de bola, buscando pressionar o adversário, que, em raras chances, conseguia chegar em seu campo de ataque.

No entanto, o Galo, após os 25 minutos, tratou de deixar de lado a pressão que sofria por parte dos donos da casa e foi pra cima. Abusando de cruzamentos e chutes de longa distância, os alagoanos martelavam para tentar balançar as redes de Marcelo Boeck, que, por sua vez, pouco tinha trabalho no confronto.

Vendo o adversário crescer em campo, o Fortaleza não deixou barato e, novamente, passou a pressionar mais sua marcação, recuperando a posse de bola. Sendo assim, até os acréscimos dado pelo árbitro, o Tricolor do Pici aproveitou para bombardear a defesa alagoana, que conseguiu abafar o ataque adversário não aumentar mais seu prejuízo.

Assim como foi na primeira etapa, o Leão antes dos dez minutos, conseguiu ampliar a vantagem na segunda etapa. Em cruzamento de Jussani, Bruno Melo, de cabeça, mandou a bola para o fundo do gol de João Carlos: 2 a 0.

Atrás no placar, o CRB, mesmo assim, conseguiu descontar minutos depois. Aos cinco, Neto Baiano, também em cruzamento, conseguiu descontar para o Galo, dando um respiro ao time de Júnior Rocha: 2 a 1.

E o jogo continuou em um ritmo frenético. Após o tento sofrido, o Fortaleza, outra vez, passou a ter uma vantagem maior no marcador. Agora aos 10 minutos, Jean Patrick, na entrada da área, arriscou um lindo chute que não deu chances ao camisa 1 do alvirrubro: 3 a 1.

Até os 35 minutos de jogo, a equipe de Rogério Ceni mostrava-se mais atenta em campo, evitando dar espaços ao rival. E as coisas passaram a ficar mais preocupantes para o lado do Galo, quando Feijão foi expulso ao cometer falta sobre Edinho.

Com vantagem numérica em campo, o duelo praticamente acabou caindo um pouco de produção por ambas as partes, sem muitos lances de perigo, dando a deixa para a arbitragem apitar pela última vez na Arena Castelão

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos