Pirlo seria exigência de Ancelotti para assumir a seleção da Itália

Segunda a imprensa italiana informou nessa terça-feira, Carlo Ancelotti deve ser confirmado como novo técnico da seleção do pais. Porém, o ex-treinador de Milan, Paris Saint-Germain, Bayern de Munique, Chelsea, e Real Madrid fez algumas exigências para a Federação Italiana (FIGC), além dos cinco milhões de euros por ano para contar contar com seu trabalho.

Como o jornal Gazzetta dello Sport havia adiantado, uma dessas exigências seria o ex-jogador Andrea Pirlo e de seu filho em fazer parte da comissão técnica de Ancelotti na seleção. Pirlo já trabalhou com seu provável comandante nos anos de Milan na década passada.

Ambas as partes ainda estão em negociação e um possível anuncio só deverá acontecer após o término do Campeonato Italiano. Outros nomes são especulados como opções para comandar a seleção italiana, como Antonio Conte (do Chelsea) Roberto Mancini (do Zenit San Petersburgo), e Claudio Ranieri (do Nantes). O projeto almeja reconstruir a equipe que conquistou quatro vezes a Copa do Mundo, tendo em vista que a tetracampeã nem se classificou para a próxima edição da competição, que acontece esse ano, na Rússia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos