Brasileiro marca, mas Kashiwa Reysol é derrotado na J-League

O atacante brasileiro Cristiano bem que tentou, mas não conseguiu impedir a derrota do Kashiwa Reysol para o Shimizu pela J-League neste sábado. Mesmo com boa atuação do jogador, com direito a um gol e uma bola na trave, sua equipe acabou derrotada por 2 a 1, em jogo válido pela 11ª rodada da competição.

Cristiano falou sobre a satisfação pelo bom jogo que realizou, mas ressaltou a tristeza pelo mau resultado.

- Dominamos completamente o primeiro tempo, mas eles nos atacaram duas vezes e fizeram dois gols. Fico feliz por ter feito mais uma boa partida e pelo meu rendimento vir subindo jogo a jogo, mas triste pelo objetivo principal, que era a vitória, não ter sido alcançado - disse o capitão do Kashiwa.

Com a derrota, o Kashiwa caiu para a 11ª posição na liga japonesa e terá o Shonan na próxima quarta como adversário. Cristiano, que tem a média de 12 quilômetros percorridos por partida, também comentou o seu novo posicionamento em campo, que segundo ele contribui inclusive para que tenha condições de ajudar mais a equipe quando ela não tem a bola.

- Tenho a característica de voltar bastante para marcar e num jogo complicado como o de hoje não seria diferente. Estou jogando aberto pelo lado esquerdo novamente, que é como gosto de atuar, e isso me deixa mais à vontade em campo para ajudar na marcação - explicou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos