Valentim diz que aplauso a Pimpão foi por entrega: 'Não foi irônico'

Rodrigo Pimpão não tem tido vida fácil no Botafogo. Após um início de 2017 de muitas alegrias, principalmente na Libertadores, o atacante está sendo constantemente perseguido pela torcida, ainda mais com o seu retorno ao time titular com as lesões de Luiz Fernando e Leandro Carvalho.

No último sábado, contra o Grêmio, o atacante viu, ao que pareceu, parte da torcida comemorar com aplausos quando sentiu dores musculares, já na reta final da partida, que encerrou com vitória alvinegra por 2 a 1.

Em entrevista coletiva, após o triunfo pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro, Alberto Valentim externou uma visão diferente. Para ele, os aplausos foram pela entrega física e tática do camisa 7 na marcação.

- O aplauso não foi irônico. Com certeza absoluta. Rodrigo Pimpão foi aplaudido porque deu o máximo que pode - opinou Valentim sobre Pimpão, substituído por Ezequiel aos 20 minutos da etapa final.

Para o próximo jogo do Botafogo, que será domingo, contra o Cruzeiro, em Minas Gerais, é muito provável que Luiz Fernando retorne ao time, que também terá o reforço de Rodrigo Aguirre. Ou seja, há a possibilidade de Pimpão perder o espaço entre os 11. O duelo será válido pela quarta rodada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos