Carille se desculpa por 'generalizar' em crítica feita a jornalistas

Fábio Carille, técnico do Corinthians, emitiu uma nota oficial nesta terça-feira, se desculpando pelas declarações que deu em entrevista coletiva no último domingo, quando falou que "grande parte da imprensa é mentirosa". O técnico se irritou pelas notícias que leu e ouviu sobre a oferta do Al-Hilal, da Arábia Saudita, algo que seu próprio pai tornou público na semana passada.

"No último domingo, concedi entrevista coletiva após o empate com o Sport, em Recife, e expus alguns pontos que haviam me incomodado com relação à postura da imprensa ao noticiar uma possível proposta do Al-Hilal, da Arábia Saudita, pelo meu trabalho. Na coletiva, eu disse que grande parte da imprensa mente. Li, sim, mentiras a meu respeito. Uma parte da imprensa errou, sim, nesta última semana. Não foi a maioria, porém. Então, exagerei ao generalizar em meu comentário. Por isso, peço desculpas. Recebi a nota de repúdio emitida pela Aceesp e respeito as colocações da entidade. Sempre respeitei o trabalho da imprensa e fiz questão de tratar os jornalistas da melhor forma possível. Como já me manifestei com relação aos meus incômodos neste caso, e os jornalistas, por meio de sua associação, fizeram o mesmo, encaro essa questão como encerrada", diz o treinador do Timão, em nota.

Na última segunda, a Associação dos Cronistas Esportivos de São Paulo (Aceesp) manifestou repúdio à postura de Fábio Carille:

"A ACEESP lamenta e repudia as declarações feitas pelo treinador do Sport Club Corinthians Paulista, senhor Fábio Carille, no último domingo, após o empate entre a equipe por ele dirigida e o Sport Club do Recife.

Ao afirmar publicamente que "grande parte da imprensa mente", o senhor Fábio Carille, jovem e promissor técnico de futebol, emite ele próprio um conceito equivocado, sem balizar suas declarações em dados concretos, números ou pesquisas, ou apresentar provas de sua opinião. A afirmação do senhor Fábio Carille, se levada ao pé da letra, colocaria em xeque a avaliação que grande parte da imprensa faz de seu trabalho, considerado moderno, sério, competente e vitorioso.

Existem bons e maus profissionais em qualquer ramo de atividade, e o bom exercício do Jornalismo pede que as generalizações sejam evitadas, sob pena de se cometer injustiças.

A ACEESP reforça ainda que o noticiário em torno de uma possível saída do senhor Fábio Carille do comando técnico do Sport Club Corinthians Paulista ganhou vulto após entrevista concedida pelos pais do treinador a uma emissora de televisão, na qual os próprios pais do treinador falam sobre a existência de uma proposta."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos