Com gol de Torres, Atlético de Madrid vence time B da Nigéria em amistoso

Agora é oficial. Fernando Torres não é mais jogador do Atlético de Madrid. Dois dias após despedir-se do Atleti com dois gols no empate de 2 a 2 com o Eibar, pela última rodada do Espanhol, o atacante participou de um amistoso dos Colchoneros com um time alternativo da Nigéria. E os espanhóis, que também pouparam uma galera, levaram a melhor: vitória por 3 a 2.

Os gols foram marcados pelo próprio Torres, além de Ángel Correa e Borja Garcés, enquanto a seleção africana descontou com Kelechi Nwakali e Chinedu Ajana. Nenhum jogador da Nigéria foi convocado para a Copa do Mundo.

Fernando Torres é um dos maiores jogadores da história do Atlético de Madrid. Ele tem 34 anos e foi promovido aos profissionais dos Colchoneros em 2001, onde ficou até 2007, quando começou a sua peregrinação por gigantes da Europa: Liverpool, Chelsea e Milan. No clube londrino, ganhou a Champions de 2011/2012, mas perdeu o Mundial para o Corinthians. Levantou ainda uma Copa da Inglaterra e uma Liga Europa.

Retornou para o Atlético de Madrid em 2016 e foi coroado com a conquista da Liga Europa, na última quinta-feira. O seu futuro ainda é incerto, mas o passado é glorioso: conquistou duas Eurocopas e uma Copa do Mundo com a Espanha, entre 2008 e 2012.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos