Fim de jejum, troco e recordes: o que está em jogo na final da Champions

Há muitos ingredientes, além da importância do jogo em si e do duelo entre Cristiano Ronaldo e Salah, para valorizar a final da Champions League, neste sábado, às 15h45, entre Real Madrid e Liverpool, em Kiev, na Ucrânia.

Os finalistas são gigantes na Europa e estão entre os três maiores vencedores da competição, mas no histórico recente, um enfileira taças, enquanto o Liverpool amarga uma considerável seca de 13 anos sem levantar a Orelhuda. O Real Madrid é o maior vencedor, com 12 taças, sendo três nos últimos quatro anos (2013/2014; 2015/2016 e 2016/2017). Já os Reds têm cinco títulos, atrás ainda do Milan (7) e empatado com Barcelona e Bayern de Munique.

A seca do Liverpool contrasta não só com a fase magnífica do Real, mas também com a fase do futebol espanhol, que ganhou o torneio nas últimas quatro edições. O Barcelona ficou com o troféu em 2014/2015.

Chegou a vez do 'troco'?

O Real Madrid não é só um monstro de títulos. É ainda o time com mais finais da competição. São 15, com apenas três vices. Um deles, na temporada 80/81, os Merengues perderam justamente para o Liverpool. 37 anos depois...chegou a vez dos espanhóis levarem a melhor?

Possíveis recordes do Real

Se for campeão, o Liverpool impedirá uma série de recordes do Real Madrid oude seus jogadores e do técnico. A começar pela sequência de conquistas: chegar a três taças não é novidade para os Merengues (que tiveram cinco na década de 50) nem para o Ajax (71 e 73) e o Bayern de Munique (74 a 76), mas é o primeiro no formato atual da competição, com fase de grupos.

Se o Real for campeão, o português Cristiano Ronaldo chegará a cinco taças e igualará nove jogadores do mesmo Madrid, penta na década de 50. Mas, ficará atrás ainda de Francisco Gento, que ganhou os cinco e mais uma na década de 60, pelo mesmo Real Madrid. A diferença é que CR7 alcançaria a marca por duas equipes diferentes: tem ainda um com o Manchester United, em 2007/2008.

Se forem campeões, Marcelo e Casemiro chegarão ao quarto título da competição e se tornarão os brasileiros com mais conquistas na competição, passando Daniel Alves, Sávio e Roberto Carlos.

Se for campeão, Zidane será o primeiro treinador a engatar três conquistas seguidas. Com um detalhe: nos três primeiros anos como treinador de um grande time. Antes, comandava o Real Madrid B. Ele ainda se igualará a

Bob Paisley e Carlo Ancelotti, como os treinadores com mais títulos.

FICHA TÉCNICA

REAL MADRID X LIVERPOOL

Local: Estádio Olímpico de Kiev, em Kiev (UCR)

Data-Hora: 26/5/2018 - 15h45

Árbitro: Milorad Mazic (SER)

Auxiliares: Milovan Ristic e Dalibor Djurdjevic (SER)

REAL MADRID: Navas; Carvajal, Varane, Ramos, Marcelo; Casemiro, Kroos, Modric, Isco; Ronaldo, Bale. Téc: Zidane.

?

LIVERPOOL: Karius; Alexander-Arnold, Van Dijk, Lovren, Robertson; Henderson, Milner, Wijnaldum; Mané, Firmino, Salah. Téc: Jurgen Klopp

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos