Londrina fica com um a menos e Brasil de Pelotas aproveita construindo boa vitória

Jogando na cidade de Pelotas, mais precisamente no Bento Freitas, o Brasil conseguiu ser mais eficiente que o Londrina. Também se aproveitando de jogar com um homem a mais desde os 14 minutos da etapa complementar, o Xavante foi letal e fez 3 a 0 em partida da sétima rodada da Série B do Brasileirão.

O primeiro tempo foi de boas oportunidades principalmente para os visitantes que chegaram a ameaçar a meta de Marcelo Pitol em duas oportunidades através de Felipe Marques. Se na primeira Pitol evitou um gol olímpico, na segunda o rebote depois de uma saída do gol do arqueiro pelotense afastar o perigo teve o chute de Felipe passando ao lado esquerdo do gol.

Contudo, quem realmente tomou as rédeas da partida depois foram os anfitriões. Após a bola na trave do atacante Lourency aos 25 minutos da etapa inicial, o segundo tempo foi de amplo domínio do clube gaúcho.

Logo aos sete minutos da etapa complementar, uma cobrança de escanteio feita pelo Brasil recompensou a equipe que mostrou mais atitude em buscar o ataque. Após o levantamento do lateral-esquerdo Itaqui, o experiente Éder Sciola aproveitou o desvio de Lourency e abriu a conta no Rio Grande do Sul.

Aos 14, Diego Lorenzi recebeu o segundo cartão amarelo e, consequentemente, o vermelho. Algo que acabou abrindo bastante os espaços para a velocidade e troca de passes rápidos do Xavante.

Com 20 minutos, Lourency encheu o pé em bola rebatida pela zaga do Londrina. Oito minutos depois, uma bela trama iniciada por Kaio teve o velocista avançando pelo lado direito e tocando para Lucas Costa que, vendo a chegada de Éder Sciola, só rolou para o terceiro do Brasil de Pelotas. 3 a 0, placar final.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos