Sem entrosamento, Roger fica isolado no Corinthians. Vai ter sequência?

Em seu quarto jogo pelo Corinthians, o atacante Roger passou praticamente despercebido em campo na derrota por 2 a 1 para o Internacional. Embora tenha se movimentado para abrir espaços para os companheiros, como na jogada do gol, o camisa 9 ficou muitas vezes isolado no ataque e não teve chances para finalizar.

Foram apenas 21 passes certos de Roger na partida, além de oito errados. Ele ainda perdeu a bola em nove oportunidades, mas ajudou na parte defensiva com quatro desarmes. Os números são do Footstats.

- A gente conversava durante a semana que o time está aprendendo os movimentos do Roger no jogo, é isso que chamamos de entrosamento. Com essa condição de conhecer melhor, vai melhorar a produção com o Roger. A gente começa a ter a possibilidade de escolha no sistema de jogo. Em determinado momento a gente não tinha essa possibilidade - analisou o técnico Osmar Loss.

O Corinthians vinha atuando sem centroavante, no esquema 4-2-4, porque Roger não estava inscrito na fase de grupos da Libertadores e não pode atuar na Copa do Brasil por já ter defendido o Internacional na competição. Outro centroavante do elenco, Kazim não conseguiu corresponder nas oportunidades que teve.

Como o Corinthians tem jogos apenas pelo Brasileirão até a parada da Copa do Mundo, a expectativa é de que Roger tenha uma sequência como titular. Afinal, o camisa 9 precisa de entrosamento com seus companheiros.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos