Após derrota para Sport, Alexandre Gallo questiona arbitragem

O Atlético-MG acabou derrotado pelo Sport nesta quarta-feira por 3 a 2 na Ilha do Retiro. Depois do término da partida, o diretor do clube mineiro, Alexandre Gallo questionou os critérios adotados pela arbitragem nos jogos do time e de lances marcados contra o time.

A questão em destaque é o pênalti marcado pelo árbitro Wagner do Nascimento Magalhães. No lance, o volante Michel Bastos cruzou para área e a bola acabou batendo na mão do zagueiro Gabriel.

FALA, DIRETOR!

Vim aqui hoje falar de arbitragem. Não podemos mais uma vez estar aqui reclamando de uma situação dessa. Estamos tentando uma aproximação com a arbitragem na CBF, estamos sendo bem tratados lá, mas queremos, exclusivamente, critérios. Isso já aconteceu contra o Atlético-MG por cinco vezes. Nós temos gravados por cinco jogos, um pênalti exatamente igual que não foi dado para o Atlético-MG e isso nos incomoda bastante. Nós queremos novamente que, se acontece para um, tem que acontecer para todos. E não um lance decisivo, que acaba decidindo um jogo. Nós lutamos muito para conseguir a virada. Depois tomamos o gol de empate e decide-se no critério, que para gente não tem acontecido. Isso incomoda bastante e por isso estou aqui hoje. Nós não vamos aceitar uma próxima situação dessa, que aconteceu para gente em cinco oportunidades e na primeira que acontece contra a gente, tem um pênalti dado pelo árbitro da lateral do campo. A gente respeita isso e deve acontecer, mas o critério não pode ser dois pesos e duas medidas - disse Gallo ainda na Ilha do Retiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos