Árbitro envolvido em corrupção é afastado da Copa do Mundo

A Fifa anunciou nesta quarta-feira o afastamento do árbitro saudita Fahad al-Mirdasi, que estava escalado para comandar jogos da Copa do Mundo. Ele está sendo acusado de corrupção e a entidade entrou com com o "efeito imediato" da punição.

Além de Fahad al-Mirdasi, os auxiliares Mohammed al-Abakry e Abdulah al-Shalwai também foram afastados. A decisão faz parte da política da Fifa de escalar uma equipe de arbitragem. O árbitro não será substituído, mas outros assistentes serão chamados.

De acordo com o comunicado da Fifa, "as condições para ser selecionado para o Mundial-2018 não foram cumpridas", com isso, Fahad al-Mirdasi foi afastado de maneira imediata.

Fahad al-Mirdasi foi suspenso por ter pedido suborno a um clube da Arábia Saudita. A Federação do país demitiu o árbitro e recomendou que fosse retirado do quadro de árbitros da Copa do Mundo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos