Após fazer gol na estreia, atacante da Islândia diz viver o auge da carreira

Finnbogason ainda desfruta do fato de estar na história da Islândia. O atacante do Augsburg, da Alemanha, balançou as redes no sábado, no empate por 1 a 1 diante da Argentina, e foi o primeiro do seu país a fazer gol em uma Copa do Mundo. O que, para ele, significa o auge da carreira.

- Foi o momento mais espetacular da minha carreira, sem qualquer dúvida. Estamos fazendo história por estar nesta Copa do Mundo, e esse gol foi a cereja do bolo - comemorou o jogador de 29 anos de idade.

- Estamos vivendo os melhores momentos da história do futebol islandês - prosseguiu Finnbogason, lembrando que é a estreia do time no principal torneio do esporte no mundo, dois anos depois de disputar pela primeira vez uma Eurocopa.

A Islândia divide a segunda colocação do Grupo D com a Argentina, ambas com um ponto cada. A chave é liderada pela Croácia, que tem três pontos. Nesta sexta-feira, às 12h (horário de Brasília), em Volgogrado, os islandeses encaram a Nigéria, lanterna do grupo, sem nenhum ponto. A equipe de Finnbogason se despede da primeira fase do Mundial no dia 26, uma terça-feira, às 15h, em Rostov, contra a Croácia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos