Mané: 'É difícil repetir a campanha de 2002, mas vamos tentar'

Os senegaleses não esconderam, na zona mista, a satisfação por estrearem com pé direito na Copa da Rússia. A vitória diante da Polônia por 2 a 1, nesta terça-feira, no Spartak Stadium, deixou os africanos, ao lado dos japoneses, na liderança do Grupo H, deixando os "favoritos" colombiano e poloneses pressionados.

Principal destaque da equipe comandada por Aliou Cissé, o atacante Sadio Mané elogiou a postura e estratégia adotados pelos senegaleses no triunfo conquistado diante do rival polonês.

- Estamos muito felizes pelo resultado, devido a dificuldade que teríamos nesta estreia. A nossa estratégia funcionou, principalmente porque fizemos as coisas certas em momentos importantes da partida - declarou.

Apesar da euforia por ser o único africano, até aqui, a vencer nesta edição da Copa do Mundo, Mané adotou um discurso de cautela ao ser questionado até onde Senegal pode chegar na Rússia.

- Ainda é cedo para imaginar onde podemos chegar. Teremos mais dois jogos importantes dentro do nosso grupo. Precisamos superar nossos próximos adversários. Não posso te dizer onde vamos avançar aqui - declarou o jogador do Liverpool, que tem esperanças de fazer o atual time, ao menos, tentar repetir o feito de 2002, quando o país chegou até às quartas de final:

- É difícil repetir a campanha de 2002, mas vamos tentar.

Com o resultado, Senegal chegou aos três pontos, mesmo desempenho do seu próximo adversário, o Japão. A partida acontece no domingo, às 12h (de Brasília), em Encaterimburgo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos