CR7 se torna o segundo com mais gols por uma seleção na história

Cristiano Ronaldo continua fazendo história na Copa do Mundo na Rússia. O gol que marcou nesta quarta-feira, em Moscou, garantiu a vitória por 1 a 0 de Portugal sobre Marrocos (a primeira do time na competição) e, de quebra, o isolou como segundo jogador que mais vezes balançou as redes por uma seleção em toda a história.

O craque chegou a 85 gols, deixando para trás o húngaro Puskas, destaque do time vice-campeão mundial de 1954. O único que está à frente de CR7 no quesito é o iraniano Ali Daei, que balançou as redes 109 vezes em 149 partidas por sua seleção, entre 1993 e 2006.

De qualquer forma, Cristiano Ronaldo, aos 33 anos, carrega a marca de ser o europeu com mais gols por sua seleção. Por Portugal, o camisa 7 já carrega recordes: é quem mais atuou na história (152 jogos), quem tem mais partidas pelo país em Copas do Mundo (15) e Eurocopas (21), artilheiro da seleção em Euros (9 gols) e com mais hat-tricks (6) - nome dado ao fato de marcar três vezes ou mais na mesma partida.

Na Rússia, Cristiano Ronaldo ainda pode ser o português que mais balançou as redes em uma Copa do Mundo. O craque chegou a sete nesta quarta-feira e está a dois de Eusébio, que fez todos os seus nove gols no Mundial de 1966, sendo o artilheiro da competição. CR7 terá, ao menos, mais uma partida para disputar, diante do Irã, na segunda-feira.

Eleito cinco vezes o melhor jogador do mundo, empatado com o argentino Lionel Messi no quesito como o mais escolhido desde que a Fifa criou o prêmio, em 1991, Cristiano Ronaldo acumula outros recordes importantes: maior artilheiro do Real Madrid (451 gols), do Mundial de Clubes (7 gols), da Eurocopa (9 gols), da Liga dos Campeões (120 gols) e de competições de clubes da Uefa (123 gols).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos