Marroquino diz que CR7 pressiona árbitros e marcou gol irregular

Marrocos foi o primeiro eliminado da Copa do Mundo e, até agora, não mostra ter aceitado a derrota por 1 a 0 para Portugal, nessa quarta-feira. Medhi Benatia, zagueiro da Juventus e capitão do time africano, diz que Cristiano Ronaldo pressiona árbitros, não jogou tão bem e só balançou as redes porque houve falta de Pepe logo depois da cobrança de escanteio.

- Ele precisa de poucas chances para marcar, tanto que não fez grandes coisas. É um bom jogador, mas não nos colocou em apuros toda vez que tocou na bola. Só que não precisa muito para marcar gols, especialmente se derrubarem nosso homem na trave mais próxima, que é quem deve bloquear esse tipo de cruzamento - queixou-se o defensor em entrevista ao jornal italiano Gazzetta Dello Sport.

- Fiz duas faltas no Ronaldo, mas ter me dado um amarelo foi exagerado. Todos sabemos que o Cristiano é um dos mais fortes do mundo, mas ele gosta de reclamar, colocar pressão no árbitro. Perguntei a ele sobre faltas não apitadas para o Marrocos, talvez penalidades. Sei que para o (o árbitro norte-americano Mark) Geiger não foi fácil, mas... - prosseguiu Benatia.

As contestações a respeito do árbitro têm dominado o discurso dos marroquinos. O meio-campista Noureddine Amrabat chegou a dizer que o juiz pediu a camisa de Pepe de presente, em acusação negada pela Fifa. O que fica de consolação é que o time africano, realmente, pressionou os lusos e parou em grandes defesas do goleiro Rui Patrício.

- Os rapazes correram incrivelmente, mas não foi o suficiente. Perdemos na frente do gol de Portugal. Foi má sorte mesmo. Mas, no gol do Ronaldo, há uma falta incrível do Pepe na primeira trave, por trás. Eles colocaram o árbitro de vídeo, fizeram reuniões com as equipes, explicaram que usariam os vídeos, mas há sempre esses erros. Faz parte da nossa vida, mas dói. Só que estou orgulhoso do meu time - elogiou Benatia.

Reclamações à parte, Marrocos, que não disputava uma Copa do Mundo desde 1998, também perdeu por 1 a 0 na sua estreia, contra o Irã, e, por isso, não tem mais chances de classificação. O time africano ocupa a lanterna do Grupo B, sem nenhum ponto, e se despede do Mundial da Rússia na segunda-feira, às 15h (horário de Brasília), contra a Espanha, em Kaliningrado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos