Volante do Panamá pede vitória para deixar a Copa do Mundo com honra

O volante Aníbal Godoy lamentou a goleada sofrida pelo Panamá contra a Inglaterra por 6 a 1, no último domingo, em Nizhny Novgorod. O jogador mostrou-se otimista com o futuro do futebol do país e confia em um bom resultado na despedida da Copa do Mundo, na próxima quinta-feira, contra a Tunísia.

- Nós jogadores temos que ser autocríticos. Pessoal e individualmente, sabemos que não jogamos bem. Uma derrota por 6 a 1 em uma Copa é difícil, pois todo o mundo está acompanhando - afirmou o jogador.

Godoy foi titular nas duas partidas do Panamá na Copa do Mundo. O volante garantiu que os jogadores vão entrar em campo contra a Tunísia com honra, em busca de um grande resultado.

- Temos que encerrar bem contra a Tunísia. Há muito o que melhorar. Os rivais que enfrentamos são duas potências do futebol mundial - disse o volante, em referência à Bélgica e à Inglaterra.

Por fim, Godoy ressaltou a importância de o Panamá participar da Copa do Mundo. Para o jogador do San José Earthquakes, os jogadores ganharão experiência para as próximas competições.

- Vem aí uma nova geração, há jogadores aqui que passam principalmente pela grande porta para entrar na história do país.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos