Alemanha volta para casa e divulga carta: 'Decepcionados como vocês'

Após o maior vexame na história da seleção alemã, a delegação capitaneada por Joachim Löw já retornou à Alemanha, mais precisamente a Berlim, nesta quinta-feira. Como não poderia ser diferente, os jogadores e a comissão técnica estavam com semblante de poucos amigos.

O retorno antecipado da Mannschaft se deu graças à derrota diante da Coreia do Sul, na última quarta, deixando a atual campeã na lanterna do Grupo F da Copa do Mundo - cujos classificados foram Suécia e México, primeiro e segundo colocados, respectivamente. Para amenizar a sensação de vexame, a seleção alemã divulgou uma carta aberta aos torcedores.

- Estamos tão decepcionados quanto vocês. A Copa é jogada só a cada quatro anos, e tínhamos ambições. Lamentamos muito não termos jogado como campeões do mundo. Por isso, fomos eliminados com justiça, por mais amargo que isso seja. O apoio de vocês foi maravilhoso, na Alemanha e nos estádios russos. No Rio, em 2014, comemoramos juntos. Mas o esporte também é feito de derrotas, e é preciso reconhecer quando os adversários jogam melhor.

BOATENG DESABAFA

Ausente da desastrosa atuação contra a Coreia do Sul, Boateng teve que assistir à derrota por 2 a 1, na Kazan Arena, das arquibancadas, uma vez que foi expulso diante da Suécia. Pouco depois do revés, o defensor do Bayern de Munique publicou um desabafo em seu Instagram. E não pegou leve.

- Que desastre... A Copa do Mundo de 2018 não foi o que esperávamos. Ainda estou zangado e desapontado e ao mesmo tempo sinto por todos os nossos torcedores que nos apoiaram no estádio ou em casa, em frente à TV ou em exibições públicas. Nós realmente não entramos nesse torneio. Nós tivemos nossas chances e jogamos o tempo todo, mas isso simplesmente não funcionou. Quatro anos atrás estávamos no topo do mundo, agora estamos no fundo. Estes são os dias na vida de um jogador de futebol que ninguém inveja. Mas essa é a vida. Tudo o que posso dizer é obrigado aos nossos fãs que sempre nos apoiam. Vamos analisar o que deu errado e continuar trabalhando como sempre fizemos. Eu prometo que voltaremos forte! - postou o zagueiro.

A Alemanha passou a ser mais uma a integrar o grupo de seleções que foram campeãs mundiais e caíram na fase de grupo da Copa seguinte ao título. Desde 2002, o Brasil é o único vencedor a ter conseguido avançar ao mata-mata da competição, em 2006.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos