Preparador da Seleção admite sobrecarga em treinos, mas nega problema com Douglas Costa

Preparador físico da Seleção Brasileira, Fábio Mahseredjian admitiu após a vitória sobre a Sérvia em Moscou que uma sobrecarga nos treinamentos ocasionou um problema no joelho esquerdo de Renato Augusto, ainda na preparação antes da Copa do Mundo. O próprio jogador externou a situação após a estreia do Brasil contra a Suíça em Rostov, no dia 17 de junho, e reforçou na zona mista em Moscou.

Mahseredjian, no entanto, negou que esse tenha sido o mesmo motivo da lesão de Douglas Costa, que sofreu um estiramento muscular na parte posterior da coxa direita no duelo contra a Costa Rica, no dia 23. Depois do jogo, a esposa do jogador disse nas redes sociais que a razão do problema tinha sido uma sobrecarga nos treinamentos.

- Do Douglas não foi isso, a lesão pode acontecer com todo mundo, todos podem ser acometidos, e muitos outros virão. Você não pode acusar nada. Qualquer movimento que você faça diferente pode ter lesão. A do Danilo foi um caso raro de lesionar, do lado do reto - afirmou o preparador, mostrando insatisfação com a posição levantada pela esposa de Douglas Costa.

Sobre o caso específico de Renato, ele disse que foi preciso diminuir a carga de treino depois que o jogador teve uma inflamação no joelho esquerdo.

- A gente equacionou melhor os treinos. Num movimento com a barra, ele sentiu. Diminuímos um pouco a quantidade, volume. que Já estava mais baixo - declarou.

O preparador ainda defendeu o trabalho realizado na preparação da Seleção, negando que houve erro de planejamento da carga de treinos.

- Não é erro de avaliação, é ir ajustando, respeitar individualidade. Se todos tivessem machucados, ok, mas foi 10% do grupo - disse.

Segundo Fábio Mahseredjian, a tendência é que a carga de treinos diminua ainda mais a partir das oitavas de final, quando o Brasil enfrentará o México no próximo dia 3 de julho em Samara. O foco será na recuperação dos atletas, que têm recebido até dois dias de descanso após as partidas. Nesta quinta-feira, por exemplo, a Seleção está de folga, voltando aos treinos na sexta em Sochi. A atividade deve ser de recuperação, com o time intensificando os trabalhos só no sábado.

Além de Douglas Costa, sem prazo de retorno, e Danilo, que pode ter condições nas oitavas de final, a Seleção também está com Marcelo no departamento médico. É o quinto caso de problema físico desde que a preparação foi iniciada. Houve também com o volante Fred, no tornozelo esquerdo, e Renato Augusto. Fagner chegou com lesão na coxa direita, mas se recuperou e agora é titular.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos