City pode ser banido da Liga dos Campeões por fraude, diz diretor da Uefa

  • Oli Scarff/AFP

    Pep Guardiola é o técnico do Manchester City

    Pep Guardiola é o técnico do Manchester City

Yves Leterme, que faz parte do corpo de diretores e é o chefe do departamento de investigação da Uefa, afirmou nesta quinta-feira que existe uma real possibilidade do Manchester City ser eliminado da Liga dos Campeões se for comprovado que a equipe recebeu 60 milhões de libras (cerca de R$ 284 milhões) por meio de Mansour bin Zayed Al Nahyan, dono do clube.

Há alguns meses, o Manchester CIty foi um dos alvos do "Football Leaks", que alegou que a Uefa havia encoberto algumas diretrizes financeiras por parte dos Citizens, que iam totalmente na direção contrário do fair play financeiro.

"Se o que está escrito sobre o Manchester City é verdade, provavelmente teremos um grande problema. Isso pode gerar uma punição pesada, a exclusão de competições europeias. Se essas informações estão corretas, isso vai totalmente contra às obrigações financeiras. O fair play financeiro é baseado em um sistema de declarações", afirmou Yves Leterme, ao "Belgium's Sports".

A equipe treinada por Pep Guardiola foi sorteada para enfrentar o Schalke 04 nas oitavas de final da atual Liga dos Campeões. Na fase de grupos, os Citizens foram os líderes do Grupo F, somando 13 pontos, com uma campanha de quatro vitórias, um empate e uma derrota, superando Lyon, Shakhtar Donetsk e Hoffenheim.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos