Padrinho de Zé Rafael, Alex alerta reforço: "Palmeiras é pressão todo dia"

  • Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

    Zé Rafael é uma das principais contratações do Palmeiras para 2019

    Zé Rafael é uma das principais contratações do Palmeiras para 2019

Em sua primeira entrevista coletiva como jogador do Palmeiras, Zé Rafael contou que Alex, camisa 10 do Alviverde campeão da Libertadores em 1999, o apadrinhou no Coritiba, quando ele subiu das categorias de base, em 2012. E o recado público que Alex passa ao amigo é claro: prepare-se para a pressão.

"Ele tem de aprender o dia a dia do Palmeiras. Aqui, é pressão todos os dias, o direito de erro é menor do que em Bahia e Londrina. Acredito que vá aprender com os jogadores mais velhos, porque pega um grupo que já foi campeão e que vai passar isso para ele no dia a dia", apostou Alex, apostando, porém, no futebol do meia que estava no Bahia.

Leia também:

"Qualidade, ele tem. Precisará entender o que é jogar aqui, como é jogar no Palmeiras. É diferente de jogar em Bahia e Londrina. Mas tem qualidade e está aprendendo. Acredito que será importante para os planos do Palmeiras ao longo do ano".

Zé Rafael surgiu no Coritiba e chegou a ser decisivo, segundo Alex. Mas vingou no Londrina e, atuando pelo Bahia nos dois últimos anos, atingiu um patamar que fez o Palmeiras desembolsar R$ 14,5 milhões por 70% de seus direitos econômicos, acertando contrato de cinco temporadas com o meia de 25 anos.

"O Zé participava do grupo do Coritiba, frequentava o vestiário, e lembro bem que ganhou dois, três jogos para nós com sua qualidade e força. Demorou um pouquinho para se achar, mas, depois que se achou, no Londrina, conseguiu mostrar sua qualidade. E comprovou no Bahia. Agora, tem uma situação maior, que é jogar no Palmeiras", reforçou Alex.

Mauro Beting: Palmeiras ainda precisa de um camisa 9

UOL Cursos Online

Todos os cursos