Topo

Esporte


Em confronto equilibrado, CRB e Ceará empatam sem gols no Nordestão

Felipe Santos/Ceará SC
Imagem: Felipe Santos/Ceará SC

2019-01-26T21:45:18

26/01/2019 21h45

Ainda em início de competição, CRB e Ceará entraram em campo na noite desta quarta-feira, pela segunda rodada da Copa do Nordeste, no estádio Rei Pelé, localizado em Alagoas.

Com o resultado, os comandados de Roberto Fernandes chegaram a dois pontos, pulando para a segunda colocação do Grupo A. Já os comandados de Lisca seguem na liderança do Grupo B, agora com 4 pontos conquistados.

PRIMEIRO TEMPO

Mesmo atuando longe de seus domínios, a equipe do Ceará, nos primeiros minutos, tentou pressionar os donos da casa. No entanto, a única chance clara de gol foi com o meia Ricardinho, que, em um chute forte, obrigou o goleiro Edson Mardden a fazer uma importante defesa.

Passado o momento de pressão adversária, o CRB, aos poucos, foi melhorando no jogo. Aos 18 minutos, em uma das raras oportunidades que surgiam por parte do Galo, o volante Mateus Silva arriscou um chute, mas a bola acabou pegando na trave e frustrou a torcida local.

Com o jogo lá e cá, na sequência, foi a vez de os visitantes darem o troco. Dessa vez a oportunidade foi com Juninho, que, em cobrança de falta, novamente fez com que o goleiro Edson Mardden tivesse trabalho para evitar o tento por parte do clube cearense.

Apesar da intensidade, os lances de perigo para ambas as equipes foram trocados por jogadas mais disputadas até o final. Entretanto, pouco antes dos acréscimos da etapa inicial, um choque feio entre Igor e Samuel Xavier fez com que os atletas deixassem o campo para dar lugar a Polaco e Cristovam, respectivamente.

SEGUNDO TEMPO

Diferente de como foi no primeiro tempo, o CRB partiu para cima nos 10 minutos iniciais. E logo de cara, o volante Mateus Silva já causou um alvoroço na torcida quando cabeceou com perigo contra o gol de Diogo Silva.

Apesar do início mais forte, o técnico Roberto Fernandes, novamente por conta de uma lesão, recorreu aos reservas e colocou Matheus Damasceno no lugar de Ferrugem.

O placar igualado sem gols, além da pressão por parte do clube alagoano, deixava o técnico Lisca impaciente à beira do campo. Porém, próximo dos 20 minutos, o Vozão iniciou uma mudança de postura, conseguindo chegar mais ao gol rival, e, em uma das oportunidades, quase marcou com Vitor Feijão, mas o atacante acabou desperdiçando boa chance de abrir a contagem.

Percebendo uma ligeira melhora, o treinador visitante resolveu buscar algumas alternativas para melhorar sua equipe, colocando em campo o meia Chico, além do atacante João Paulo. Entretanto, Roberto Fernandes não ficou por baixo, e também optou por dar mais efusividade ao seu sistema defensivo, colocando William Barbio no lugar de Felipe Menezes.

Próximo da reta final do duelo, o Vozão passou a buscar mais seu campo ofensivo. E em uma das chegadas, por muito pouco, Ricardinho não conseguiu balançar a rede rival, já que o inspirado Edson Mardden, outra vez, evitou o gol.

Até os acréscimos, poucos foram os lances de perigo, fazendo com que a arbitragem colocasse um ponto final aos 48 minutos, deixando a torcida do CRB insatisfeita com mais uma partida sem vitória de sua equipe na Copa do Nordeste.

Mais Esporte