Topo

Esporte


Zé Ricardo prevê 'muita tensão' para Botafogo na Copa do Brasil

Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Zé Ricardo projetou duelo do Botafogo contra Campinense pela Copa do Brasil Imagem: Vitor Silva/SSPress/Botafogo

11/02/2019 15h30

O Botafogo se reapresenta nesta segunda-feira, no Estádio Nilton Santos, já de olho na partida diante do Campinense, a ser realizada às 21h30 (de Brasília) desta quarta, no Amigão. Pouco antes do último treino no Rio de Janeiro, Zé Ricardo concedeu entrevista coletiva e projetou um duelo "muito tenso" na Paraíba, pela primeira fase da Copa do Brasil.

"Acredito que será uma partida muito tensa, mas o Botafogo tem o aprendizado do ano passado, mas são situações diferentes. Se aproveitarmos bem as oportunidades, poderemos conseguir a classificação", disse o técnico.

Novidade recente, Cícero também foi tema na sala de imprensa. Zé Ricardo citou um prazo aproximado para poder contar com o meia-atacante ex-Grêmio e Fluminense e que já está regularizado.

Zé Ricardo confirmou ainda que João Paulo, recuperado de uma lesão na coxa, estará à disposição para encarar o Campinense. Já Valencia e Marcos Vinícius seguem como desfalques, de acordo com o treinador.

TRAGÉDIAS RECENTES

Um outro assunto abordado nesta tarde foi a respeito das lamentáveis tragédias ocorridas nos últimos dias no Brasil. O treinador teceu um comentário sobre as fatalidades, inclusive sobre o incêndio no Ninho do Urubu, no qual passou boa parte de sua carreira nas categorias de base do Flamengo.

"Não imaginava que começaria a coletiva com esse assunto. Primeiros dias de 2019 têm sido difíceis para o Brasil. Primeiro Brumadinho, depois a tragédia no Rio de Janeiro, depois o Ninho do Urubu, hoje a perda de um grande jornalista como o Ricardo Boechat. Gostaria que a gente pudesse falar só de futebol, mas nesse momento, eu, que trabalhei tanto com categoria de base, sempre tive muita facilidade para falar. E também para escrever algumas coisas, mas nesse momento tenho poucas palavras. Só muita dor e muita tristeza com tantas perdas".

Mais Esporte