Topo

Futebol


Juve enfrenta Fiorentina e precisa de empate para conquistar título

19/04/2019 16h27

Após a surpreendente derrota para o Ajax na Liga dos Campeões da Uefa por 2 a 1, na terça-feira, que custou a vaga para a semifinal da competição, a Juventus volta a campo neste sábado, às 13h, no Juventus Stadium para dar o xeque mate no Campeonato Italiano. Pela 33ª rodada, a Velha Senhora precisa ao menos de um empate diante da Fiorentina para se sagrar campeã pela 35ª vez, a oitava consecutiva (2011-2012, 2012-2013, 2013-2014, 2014-2015, 2015-2016, 2016-2017 e 2017-2018). Faltam seis jogos para o fim da competição.

O técnico Massimiliano Allegri, no entanto, terá dificuldades para montar o time que vai a campo. Afinal de contas, são sete desfalques, todos por lesão: o goleiro Perín, os zagueiros Chiellini e Cáceres, o volante Khedira e os atacantes Douglas Costa, Dybala e Mandzukic estão fora do confronto. Por outro lado, a estrela Cristiano Ronaldo está confirmada. Durante a semana, a imprensa italiana especulou sobre um possível desconforto do português com a diretoria da Juventus. Na coletiva antes do jogo, Allegri fez questão de ratificar a importância de Ronaldo e sua importância pro futuro do clube.

- A chegada de Ronaldo não garantia a conquista da Champions, eu sempre disse. A Juventus joga para ganhar todas as competições, jogamos as quartas de final da Champions longe das condições ideais, perdemos e estamos eliminados. O Cristiano tem feito uma temporada extraordinária. Ronaldo é o futuro da Juventus. Chegou ano passado, é um jogador extraordinário, fez uma temporada muito boa e fará também na temporada que vem - disse.

A Fiorentina, por sua vez, não tem mais aspirações no campeonato. Décimo colocado, com 40 pontos, o time treinado por Vincenzo Montella está 13 pontos atrás da Atalanta, que fecha a zona de Liga Europa. Montella contará com os retornos dos laterais Milenkovic e Biraghi, além do volante Veretout. O zagueiro brasileiro Vitor Hugo está confirmado na zaga. A Fiorentina tenta quebrar um incômodo tabu: a última vitória contra a Juve em Turim foi em maio de 2008.

- Vou levar alguns ensinamentos do Ajax para Turim. No futebol, para ter resultados como estes, é preciso ter paciência, e na Itália não há nenhum. Não se deve olhar para resultados de forma imediata, mas aqui (na Itália) acontece diferente. Queremos criar uma identidade e melhorá-la ao longo do tempo. As equipes vencedores são construídas ao longo do tempo, porque é preciso evolução e, às vezes, ela é lenta - afirmou Montella.

No confronto do primeiro turno, a Juventus venceu em Florença por 3 a 0. Bentancur, Chiellini e Cristiano Ronaldo marcaram.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

Juventus: Szczesny; João Cancelo, Bonucci, Rugani, Spinazzola; Bentancur, Emre Can, Matuidi; Cuadrado, Kean, Cristiano Ronaldo.

Fiorentina: Lafont; Milenkovic, Ceccherini, Vitor Hugo, Hancko; Veretout, Benassi, Dabo; Mirallas, Simeone, Chiesa.

?

Mais Futebol