Topo

Futebol


Em clima de Páscoa, Everton dá chocolate no United pelo Inglês

2019-04-21T11:23:14

21/04/2019 11h23

Feliz Páscoa, Manchester United! Na manhã deste domingo, os Diabos Vermelhos receberam um presente indigesto do Everton. No Goodison Park, os Toffees tiveram uma grande atuação e deram um chocolate nos Red Devils com uma goleada de 4 a 0, fora o baile, em jogo válido pela 35ª rodada da Premier League. Sigurdsson, Digne, Walcott e Richarlison, de voleio, fizeram os gols da partida.

DOMÍNIO E GOLAÇO

?Com um United sonolento e displicente, o Everton bombardeou a defesa dos Red Devils no início da partida e pressão logo deu resultado. Em cobrança de lateral para a área de Digne, Calvert-Lewin desviou de cabeça e a bola ficou à feição de Richarlison, que emendou um voleio brilhante para estufar as redes de De Gea e colocar os Toffees em vantagem logo aos 13 minutos.

IRRECONHECÍVEL

Na desvantagem e sem reação, o United teve um de seus piores desempenhos na Premier League durante o primeiro tempo. A atuação irregular acarretou em mais um gol sofrido. Aos 28 minutos de jogo, Sigurdsson recebeu na intermediária, ajeitou para a perna direita e soltou um torpedo no canto de De Gea, que pulou atrasado e não conseguiu evitar o segundo gol do Everton.

E LÁ VEM MAIS...

?Se alguém esperava que o United voltasse com uma postura diferente para o segundo tempo, se surpreendeu negativamente. Os Red Devils continuaram apáticos e o Everton, com sede de jogo, aproveitou a sonolência do rival para aumentar o placar. Após cobrança de escanteio rebatida, Digne pegou de primeira e balançou as redes para ampliar.

FELIZ PÁSCOA!

Fazendo a melhor partida da temporada, o Everton não se contentou com o 3 a 0 e continuou em cima do United que, mesmo com as mexidas de Solskjaer, permaneceu apático e dando espaços aos Toffees, que aproveitaram o buraco defensivo para fazer o quarto. Em lançamento em profundidade de Sigurdsson, Walcott saiu cara a cara com De Gea, e apenas tirou do goleiro para balançar o barbante e sacramentar a impiedosa goleada dos Toffees.

Mais Futebol