Topo

Futebol


Júnior Urso pediu para se concentrar antes da final e reviveu tempo de torcedor do Corinthians

2019-04-23T07:00:00

23/04/2019 07h00

Júnior Urso ficou sabendo dias antes da final do Paulistão que não teria condições de ajudar o Corinthians em campo, depois de ter sofrido uma lesão na coxa direita no jogo de ida da decisão contra o São Paulo, no Morumbi. Mesmo vetado da partida, ele pediu para se concentrar com o elenco no CT Joaquim Grava e chegou à Arena Corinthians com o uniforme, ao contrário de Renê Júnior e Gabriel, também lesionados.

Urso queria viver novamente a expectativa da final do Paulistão. Ele chegara à decisão estadual em 2010, quando defendia o Santo André e ficou com o vice após derrota para o Santos. Desta vez, porém, a história foi outra: em menos de três meses no Corinthians, ele levantou seu primeiro troféu pelo clube.

- Não imaginava que as coisas aconteceriam tão rápido assim. A gente sonha, põe uns planos na cabeça e quer alcançá-los. Fico feliz, estou aqui há quase três meses, agora com mais gana para conquistar outras coisas. Espero não acordar desse sonho tão feliz que estou vivendo - afirmou o volante, que contou como ficou sabendo que seria desfalque na decisão:

- Alimentei bastante tempo essa esperança de estar dentro de campo. Pelo menos até quinta ou sexta-feira eu estava acreditando que seria possível. Tive que fazer um procedimento no hospital que incluía o exame de imagem para poder ver o local da lesão. Ali eu vi que precisaria de mais alguns dias depois da final. Sabia que no momento da final teria que descansar o corpo mais um pouco para poder me recuperar. Fiquei triste com a notícia, óbvio, mas feliz porque minha lesão não foi grave, vou me recuperar rápido. Mais feliz ainda de poder estar torcendo pela minha equipe e a gente ser campeão. Estou muito feliz e realizado - disse.

Corintiano na infância, Urso pôde reviver sua época de torcedor na decisão do Paulistão. Ele contou como foi assistir ao jogo na parte de cima da Arena e disse que "ficou maluco" na comemoração do título.

- Foi incrível. Eu, pelo menos, só tinha enxergado a Arena de dentro do campo, com uma visão de baixo para cima. E quando eu fui lá em cima da arquibancada, ter aquela visão do campo inteiro e da torcida, foi incrível. Voltei a ser torcedor, mas de uma forma diferente. Não eram meus ídolos dentro de campo, eram meus amigos. Fiquei feliz do futebol que eles apresentaram, final é duro, foi do jeito que o corintiano gosta. Foi só alegria, tirei a camisa com a torcida, pulei, fiquei maluco - contou.

Júnior Urso ainda será desfalque no Corinthians para a partida contra a Chapecoense, nesta quarta-feira, às 21h30, na Arena, pela quarta fase da Copa do Brasil. A equipe precisa vencer por diferença superior a um gol para avançar. Se triunfar pela diferença mínima, a definição será nos pênaltis

Mais Futebol