Topo

Futebol


Após classificação no sufoco, Rodolfo admite: 'Era para ter tomado mais'

26/04/2019 00h24

O Fluminense não vai terminar a noite desta quinta-feira sorrido, mas poderia ser pior. O Tricolor jogou mal, deu espaços na defesa, e viu o Santa Cruz reverter a vantagem de dois gols construída pelos cariocas no primeiro jogo, no Maracanã. Com a vitória dos pernambucanos por 2 a 0 no tempo regulamentar, restou contar com o goleiro Rodolfo nos pênaltis. Com duas defesas, o camisa 39 saiu feliz com a própria atuação, mas foi franco ao analisar o desempenho de sua equipe:

- Nosso time é muito ofensivo e às vezes fica muito vulnerável ali atrás. Já no primeiro tempo, nós detectamos isso, e no segundo tempo tomamos dois gols. Vou falar a verdade: era pra ter tomado mais. Mas, graças a Deus, tive uma noite boa, saí bem nos escanteios, consegui pegar duas faltas - uma no primeiro, outra no segundo tempo. No segundo gol, ainda consegui tirar a bola do pé do 'cara', mas ela sobrou para outro. Nos pênaltis eu fui abençoado e o que a gente mais queria, conseguimos, que era a classificação.

O Fluminense deparou-se com um Santa Cruz muito diferente do primeiro jogo da eliminatória, válida pela quarta fase da Copa do Brasil. Mais ofensivo, a equipe de Leston Júnior aproveitou o espaço nas costas da defesa do Flu e aprontou um carnaval recifense para cima de Airton, Nino e cia.

- A gente esperava uma pressão, um time diferente do Santa Cruz. Mas eles também jogaram baseados nos nossos erros. Então, os maiores culpados pelo jogo ruim que fizemos fomos nós. Sem tirar o mérito do Santa Cruz pela vitória, mas a gente errou bastante e eles aproveitaram, o que não aconteceu no primeiro jogo. É trabalhar mais para não deixar isso acontecer - analisou Rodolfo.

Mais Futebol