Topo

Futebol


Em confronto direto pelo G4, Internacional derrota o Bahia no Beira-Rio

2019-06-12T23:31:07

12/06/2019 23h31

No Beira-Rio, o Internacional levou a melhor contra o Bahia por 3 a 1. Com o placar, o Colorado é o quarto colocado, com 16 pontos. Já o Esquadrão fica na sétima posição, com 14 pontos.

Na volta do Brasileirão após a Copa América, o Colorado visita o Athletico-PR e o Esquadrão recebe o Santos, na Fonte Nova.

O duelo

Tido como um dos jogos mais aguardados da rodada, Internacional e Bahia não decepcionaram quando a bola rolou. Mesmo na casa do Colorado, o Tricolor não se intimidou e saiu para o jogo. O prêmio quase veio aos 15 minutos em cruzamento de Arthur Caíke que Fernandão por muito pouco não completou para o gol.

Aos 18 minutos o Inter abriu o placar. Em passe de cabeça de Nico López, Rodrigo Lindoso mandou para o fundo das redes. Porém, o bandeira anulou. Após três minutos, o VAR analisou o lance e no meio de tantas reclamações dos jogadores, o árbitro validou o gol.

Em desvantagem, o Esquadrão assumiu o controle da partida e rondava a grande área de Marcelo Lomba. O problema era a falta de penetração, que impedia o time de furar o bloqueio gaúcho.

Perigoso nas descidas, o Inter chegou perto de ampliar nos acréscimos no mesmo lance com Sobis e Nico que exigiram ótima defesa do goleiro Douglas.

No segundo tempo o Colorado mudou a sua postura e partiu para o ataque. Em pouco mais de 15 minutos, o time de Odair Hellmann enfileirou chances de gols. O mais perigoso era Sobis, que perdeu duas grandes oportunidades. Na primeira, ele completou cruzamento de D'Ale e mandou para fora. Na segunda, testou forte o cruzamento da direita e viu Douglas praticar um milagre.

De tanto insistir o Internacional ampliou o marcador. Rafael Sobis aproveitou a sobra na entrada da área e bateu fraco. Douglas, que fez grandes defesas, desta vez aceitou e viu a bola morrer dentro da rede.

Com uma vantagem segura, o Colorado tirou o pé e o jogo teve uma queda de ritmo. Sem a inspiração da primeira etapa, o Bahia pouco chegava, mas quando encaixou um bom lance marcou. Na indecisão de Lomba, Arthur Caíke protegeu a bola e rolou para Fernandão anotar o gol.

Não deu tempo nem de esboçar uma reação. Aos 35 minutos, dois após o gol do Esquadrão, D'Alessandro recebeu na grande área e bateu colocado. Sem chances para o goleiro, 3 a 1.

INTERNACIONAL 3 X 1 BAHIA

Local: Beira-Rio, Salvador (BA)

Data-Hora: 12/6/2019 - 21h30

Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)

Auxiliares: Bruno Boschilla (PR) e Ivan Carlos Bohn (PR)

VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (PR)

Público/renda: 15.110 pagantes/R$ 503.765,00

Cartões amarelos: Victor Cuesta (INT), Ramires (BAH)

Cartões vermelhos: -

Gols: Rodrigo Lindoso (21'/1ºT) Rafael Sobis (16'/2ºT) Fernandão (32'/2ºT) D'Alessandro (35'/2ºT)

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Zeca, Roberto, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso (Patrick, aos 33/2ºT), Edenílson, Nico López (Jonatan Álvez, aos 30/2ºT), D'Alessandro (Wellington Silva, aos 43/3ºT) e Nonato; Rafael Sóbis. Técnico: Odair Hellmann.

BAHIA: Douglas (Shaylon, aos 28/2ºT); Nino Paraíba, Jackson, Lucas Fonseca e Moisés; Douglas, Flávio (Rogério, aos 17/2ºT) e Elton; Ramires, Arthur Caíke e Fernandão. Técnico: Roger Machado.

Mais Futebol