Topo

Em nota, Ney Franco se despede da Chapecoense

Ney Franco durante partida entre Chapecoense e Palmeiras na Arena Conda pelo Campeonato Brasileiro 2019 - Matheus Sebenello/AGIF
Ney Franco durante partida entre Chapecoense e Palmeiras na Arena Conda pelo Campeonato Brasileiro 2019 Imagem: Matheus Sebenello/AGIF

25/07/2019 15h09

Após a goleada sofrida contra o São Paulo na ultima segunda-feira, a Chapecoense optou por realizar mudanças internas e demitiu o técnico Ney Franco, que sofria com as críticas constantes das arquibancadas.

No total, o comandante dirigiu o Verdão do Oeste em 18 oportunidades e obteve apenas cinco vitórias. O aproveitamento foi de 35,19%.

Com a saída consumada, o treinador emitiu uma nota oficial e agradeceu o período que passou na equipe catarinense.

Confira a carta na íntegra

A notícia já é de conhecimento de todos, mas confirmo através dessa nota a informação que não sou mais técnico da Associação Chapecoense de Futebol. A decisão foi tomada pela diretoria após conversa nesta quarta-feira, e eu não poderia deixar o comando do clube sem fazer alguns agradecimentos.

Foi uma grande honra dirigir a Chapecoense, tão querida em todos os lugares que passamos; essa oportunidade eu agradeço ao presidente Plínio David de Nes Filho, sempre muito correto em suas ações. É preciso enaltecer o grupo de jogadores e deixar claro que, enquanto estive em Chapecó, não faltou empenho, dedicação e vontade de vencer de todo o plantel. Por fim, mas não menos importante, um obrigado especial aos funcionários e à torcida, que desempenham papéis fundamentais na história da Chape.