ÁLBUM

Veja fotos
de diversas
competições




   17h51 - 23/02/2003

São Paulo e Santo André empatam, se classificam e eliminam o Santos

MBPress
Em São Paulo

O São Paulo recebeu o Santo André no estádio do Morumbi e ficou no empate por 2 a 2. Com esse resultado, as duas equipes garantiram classificação para a próxima fase do Campeonato Paulista.

O São Paulo ficou com a segunda vaga do grupo 2, enquanto o time do ABC se classificou como melhor time no índice técnico. Nas quartas-de-final, as duas equipes se enfrentam no estádio do Morumbi e o São Paulo joga pelo empate.

O resultado foi ruim para o Santos, que foi eliminado da competição. Apesar de não ter se classificado para a segunda fase, o time santista não participará do Torneio da Morte por ter sido a nona melhor equipe na competição.

O São Paulo entrou em campo desfalcado do maior ídolo da torcida, o meia Kaká. A comissão técnica tricolor alegou que o pentacampeão sentiu dores musculares minutos antes da partida e foi poupado. Outros que não jogaram, por suspensão, foram o zagueiro Jean e o volante Maldonado.

O jogo
O Santo André assustou o adversário logo aos 3min: O meia-atacante Romerito avançou pela esquerda e cruzou. A bola pegou efeito e bateu no travessão de Rogério Ceni.

Mas o São Paulo, mesmo sem forçar o ataque, era quem dominava as ações no meio-de-campo. O lado mais acionado era o direito, com o lateral Leonardo executando jogadas com Ricardinho.

Na primeira vez que o tricolor atacou pela esquerda, o time da casa quase abriu o placar. Gustavo Nery perdeu gol feito ao ser acionado dentro da área, driblar o goleiro, mas permitir que um zagueiro lhe roubasse a bola.

O Santo André respondeu prontamente. Depois de escanteio, Denni bateu e o zagueiro Júlio Santos afastou de qualquer jeito. No rebote, Rogério Ceni deu um carrinho para ceder novo escanteio.

O goleiro são-paulino voltou a trabalhar aos 30min, quando o meia Perdigão arriscou um chute da entrada da área e ele realizou a defesa em dois tempos.

O São Paulo acordou na partida e abriu o placar aos 33min: O atacante Luís Fabiano aproveitou um cruzameno de Leonardo pelo alto e acertou uma linda bicicleta, no ângulo direito, indefensável para o goleiro Júlio César.

Três minutos mais tarde, foi a vez do lateral Gustavo Nery aproveitar um passe de Luís Fabiano e bater cruzado. O goleiro Júlio César falhou e a bola entrou em seu canto esquerdo.

No último lance da primeira etapa, aos 44min, Itamar, que foi escalado no lugar de Kaká, fez boa jogada individual e soltou uma bomba na trave. No rebote, Reinaldo bateu por cima do gol.

O time do ABC voltou do intervalo com uma alteração. O treinador Luís Carlos Ferreira resolveu ousar e colocou o atacante Wesley Brasília no lugar do volante Sérgio Soares.

O São Paulo voltou mais lento e chamou o adversário para o seu campo. Aos 10min, o veterano meia Aílton pediu pênalti, mas o árbitro Romildo Corrês ignorou a reivindicação do meia.

Quatro minutos mais tarde, o Santo André diminuiu a desvantagem, com Wesley Brasília. Ele recebeu um cruzamento rasteiro de Aílton pela direita e bateu sem chances para o goleiro tricolor.

O time azulino cresceu na partida e chegou ao empate dez minutos mais tarde. O zagueiro Júlio Santos deu um presente para Romerito que cruzou e Denni, de cabeça, venceu Rogério Ceni.

Nos minutos finais da partida, o Santo André se segurou como pôde e, como o São Paulo não fazia questão de atacar, garantiu sua classificação para a segunda fase.

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Leonardo, Júlio Santos, Régis e Gustavo Nery (Fabiano); Fábio Simplício, Júlio Baptista e Ricardinho; Itamar (Kléber), Reinaldo e Luís Fabiano
Técnico: Oswaldo de Oliveira

SANTO ANDRÉ
Júlio César; Dedimar, Marcão, Silvio Criciúma e Richarlyson; Sérgio Soares (Wesley Brasília), Ramalho, Perdigão (Alexandre) e Aílton (Douglas); Romerito e Denni
Técnico: Luís Carlos Ferreira

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo
Árbitro: Romildo Correa (SP)
Cartões amarelos: Fábio Simplício, Júlio Santos (SP); Dedimar (SA)
Gols: Luís Fabiano, aos 33min, e Gustavo Nery, aos 36min do primeiro tempo; Wesley Brasília, aos 14min, e Denni, aos 24min do segundo tempo


Comente esta notícia nos Grupos de Discussão UOL

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

03/09/2007

20h22
Espanhóis comemoram boas atuações no Aberto dos EUA


20h14
Santos tira peso de favoritismo e prevê retomada contra o Inter


20h13
Jogadores do Bota lametam má fase de Dodô


20h10
Diretoria do Bota não teme Fifa e grupo diverge sobre Dodô


20h05
Blake segue sem vencer em partidas de cinco sets

MAIS FUTEBOL

23/06/2010

09h25
Lúcio: "Não estamos satisfeitos com esses dois gols"


09h10
Confronto entre Suíça e Honduras será o 1º da história em Copas


08h38
Juventus contrata goleiro italiano Marco Storari


21/06/2010

12h28
Simão afirma que seleção portuguesa está muito motivada após goleada


11h35
Portugal derruba muralha norte-coreana com 7 gols e fica perto das oitavas