ÁLBUM

Veja fotos
de diversas
competições




   18h03 - 08/06/2003

Flamengo empata com Cruzeiro no último minuto de jogo

MBPress
Em São Paulo

Tudo igual na primeira partida da final da Copa do Brasil. Em um jogo emocionante, Flamengo e Cruzeiro empataram por 1 a 1, na tarde deste domingo, no Maracanã.

Fernando Baiano, que entrou no segundo tempo, no lugar de Váldson, fez o gol salvador do Flamengo, aos 48min da etapa final. A partida decisiva será realizada no Mineirão, na próxima quarta-feira.

Em caso de novo empate por 1 a 1, o título será decidido nos pênaltis. Empate sem gols dá a taça ao Cruzeiro e, qualquer outro resultado diferente da vitória do time mineiro, dá o campeonato ao Flamengo.

Apesar de jogar a grande final em casa, a equipe mineira terá dois importantes desfalques. A dupla de zaga titular, formada por Edu Dracena e Thiago, tomou o terceiro amarelo e está fora do jogo.

O Flamengo busca seu segundo título da Copa do Brasil. A equipe rubro-negra foi campeã da competição apenas em 1990. Já o Cruzeiro sonha em levantar a taça pela quarta vez - venceu em 1993, 1996 e 2000.

O Cruzeiro não se intimidou com a torcida rubro-negra, que lotou o Maracanã, e pressionou o Flamengo no início da partida. Sem deixar a equipe carioca jogar, os mineiros desperdiçaram diversas chances.

O rubro-negro carioca só conseguiu equilibrar a partida nos quinze minutos finais. Ambas as equipes, porém, foram para os vestiários sem balançar as redes.

No segundo tempo, o Flamengo passou a se arriscar mais e partiu para o ataque em busca da vantagem para o segundo jogo da final. Os erros de finalização, porém, impediram a equipe carioca de fazer os gols.

Aos 30min, Alex, de letra, abriu o placar para desespero do Flamengo, e o goleiro Gomes garantiu a vitória do time mineiro, ao praticar boas defesas.

Mas, aos 48min, quando o Cruzeiro já comemorava a vitória, Fernando Baiano apareceu e deixou tudo igual para delírio da torcida rubro-negra.

O jogo
Aos 2min, Maurinho, no meio de campo, lançou Aristizábal na área. O atacante dominou a bola, mas chutou mal, por cima do gol. Um minuto depois, Alex fez boa jogada individual e chutou com o pé direito, longe do gol.

O lateral Maurinho, novamente, aos 9min, driblou dois zagueiros flamenguistas e cruzou para Deivid, na grande área, errar o chute.

Aos 11min, Edílson tocou para Zé Carlos, mas o atacante não alcançou a bola. Quatro minutos depois, Athirson tentou resolver em jogada individual. Seu chute de longe, porém, saiu muito fraco, fácil para a defesa de Gomes.

O troco mineiro veio em seguida. Deivid dominou a bola e chutou de fora da área, à esquerda de Júlio César. Aos 19min, Márcio arriscou da entrada da área, sem perigo para a meta flamenguista.

Aos 21min, Felipe chutou rasteiro, de fora da área. A bola passou longe do gol cruzeirense. Aos 31min, Alex pegou bom chute de fora da área, mas Júlio César conseguiu encaixar a bola.

Aos 34min, Fernando levantou a torcida presente ao Maracanã. Após boa jogada individual, seu chute da entrada da área passou rente ao travessão.

Athirson, aos 39min, arriscou de longe, sem perigo para Gomes. Na seqüência, a melhor oportunidade do time carioca. Edílson fez jogada individual e, ao chutar de frente para o gol, Gomes fez boa defesa e espalmou para escanteio.

Aos 43min, Alex cobrou falta fechada da direita, mas a bola ficou nas mãos de Júlio César. Antes de terminar o primeiro tempo, Athirson cobrou falta, aos 44min, e a bola passou próxima ao travessão de Gomes.

As equipes voltaram para a etapa final com a mesma formação do início da partida. Aos 4min, a torcida rubro-negra tomou um susto. Deivid virou o jogo para Aristizábal na esquerda. Sem tempo para pensar, o atacante colombiano finalizou na rede, pelo lado de fora.

Aos 12min, Zé Carlos tentou bicicleta da entrada da área e a bola passou com perigo à meta do goleiro cruzeirense.

Ambas as equipes seguiram criando oportunidades, mas não conseguiam balançar as redes. Luxemburgo tira Márcio e coloca Jardel em seu lugar. No Flamengo, Nelsinho Baptista decide ouvir a torcida flamenguista e coloca a revelação Jean no lugar de Zé Carlos.

Aos 30min, o Cruzeiro calou a torcida flamenguista. Após jogada rápida pela direita, Deivid lançou bola rasteira para Alex, na pequena área, marcar um golaço de calcanhar.

Sem nada mais a perder, o Flamengo passou a pressionar o Cruzeiro. Gomes, inspirado, evitou o empate em pelo menos três grandes ataques do Flamengo.

Aos 40min, porém, Edílson marcou um golaço após aproveitar rebote e encobrir Gomes, mas a arbitragem anulou o gol do time carioca, assinalando impedimento duvidoso.

O Flamengo continuou melhor e, aos 48min, quando o árbitro já se preparava para apitar final da partida, Fernando Baiano apareceu e marcou o gol salvador, que deu o empate ao Flamengo.

FLAMENGO
Júlio César; Fernando, Váldson (Fernando Baiano), André Bahia e Luciano Baiano; Fabinho, André Gomes (Igor), Felipe e Athirson; Zé Carlos (Jean) e Edílson
Técnico: Nelsinho Baptista

CRUZEIRO
Gomes; Maurinho, Edu Dracena, Thiago e Leandro; Augusto Recife, Márcio (Jardel), Wendell e Alex; Deivid (Mota) e Aristizábal (Luisão)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Local: estádio do Maracanã, Rio de Janeiro
Juiz: Carlos Eugênio Simon (Fifa-RS)
Cartões amarelos: Augusto Recife, Edu Dracena, Thiago (C), Athirson, André Gomes (F)
Gols: Alex, aos 30min, e Fernando Baiano, aos 48min do segundo tempo.


Comente esta notícia nos Grupos de Discussão UOL

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

03/09/2007

20h22
Espanhóis comemoram boas atuações no Aberto dos EUA


20h14
Santos tira peso de favoritismo e prevê retomada contra o Inter


20h13
Jogadores do Bota lametam má fase de Dodô


20h10
Diretoria do Bota não teme Fifa e grupo diverge sobre Dodô


20h05
Blake segue sem vencer em partidas de cinco sets

MAIS FUTEBOL

23/06/2010

09h25
Lúcio: "Não estamos satisfeitos com esses dois gols"


09h10
Confronto entre Suíça e Honduras será o 1º da história em Copas


08h38
Juventus contrata goleiro italiano Marco Storari


21/06/2010

12h28
Simão afirma que seleção portuguesa está muito motivada após goleada


11h35
Portugal derruba muralha norte-coreana com 7 gols e fica perto das oitavas